Tribuna Expresso

Perfil

NBA

Lakers conquistam NBA 10 anos depois e igualam os 17 títulos dos Celtics

O anel de 2020 junta-se assim aos conquistados em 1948/49, 1949/50, 1951/52, 1952/53, 1953/54, 1971/72, 1979/80, 1981/82, 1984/85, 1986/87, 1987/88, 1999/00, 2000/01, 2001/02, 2008/09 e 2009/10

Tribuna Expresso

Douglas P. DeFelice

Partilhar

LeBron James e companhia venceram os Miami Heat por 106-93 no sexto jogo da final da NBA e conquistaram o 17.º título para os Los Angeles Lakers.

O anel de 2020 junta-se assim aos conquistados em 1948/49, 1949/50, 1951/52, 1952/53, 1953/54, 1971/72, 1979/80, 1981/82, 1984/85, 1986/87, 1987/88, 1999/00, 2000/01, 2001/02, 2008/09 e 2009/10. Esta vitória permite alcançar a equipa com mais títulos da história, os Boston Celtics, que venceram 1957, 1959, 1960, 1961, 1962, 1963, 1964, 1965, 1966, 1968, 1969, 1974, 1976, 1981, 1984, 1986 e 2008.

O triunfo acontece 10 anos depois de Kobe Bryant, que morreu num desastre aéreo em 2020, ter guiado a equipa à glória precisamente contra os rivais de Boston. Nessa final de 2010, num duelo que colocou frente a frente Phil Jackson e Doc Rivers, os de LA venceram por 4-3. Bryant foi o MVP.

jogo 1: LA 116-98 Miami
jogo 2: LA 124-114 Miami
jogo 3: Miami 115-104 LA
jogo 4: LA 102-96 Miami
jogo 5: Miami 111-108 LA
jogo 6: LA 106-93 Miami

LeBron James, a grande figura destas finais, conquistou o quarto anel por três equipas diferentes, depois dos dois títulos com Miami Heat e o outro nos Cleveland Cavaliers. LeBron, de 35 anos, transformou-se no primeiro basquetebolista a conquistar o prémio de MVP de finais por três equipas diferentes (ao todo já venceu esse troféu por quatro vezes). Depois da conquista o norte-americano pediu "respeito" e prometeu que ainda tem muitos anos pela frente. No final, colado ao chão do balneário, ligou à mãe, enquanto fumava um charuto. O atleta está apenas a dois anéis de Michael Jordan, para muitos o melhor de sempre.