Tribuna Expresso

Perfil

As bonecas russas do futebol português

Partilhar

MIGUEL RIOPA/Getty

Ali está ela, em frente a um espelho numa casa de banho estilosa. Passa o “Gotta Get Up” do Harry Nilsson. Ela sai, deixa passar duas pessoas que esperavam a sua vez, vê os amigos, é o seu aniversário, a casa tem pinta. Ela deixa o apartamento, vai a um parque procurar Oatmeal, o seu gato, que na verdade é um gato de todos, até do moço da mercearia, porque gosta mais da rua do que de uma casa. Ela vê-o do outro lado da rua. Quando atravessa para o apanhar é atropelada por um táxi. E morre.

Na cena seguinte, ela, Nadia de seu nome, está outra vez em frente ao espelho, outra vez na casa de banho estilosa, passa outra vez o “Gotta Get Up” e as mesmas duas pessoas esperam a sua vez para entrar no WC. Continua a ser o seu 36.º aniversário.

E assim sucessivamente, durante vários episódios, várias mortes, umas mais doidas que outras, algumas das quais traumáticas, ao ponto de neste momento eu ter um certo medo de escadas.

Lembrei-me da série “Russian Doll”, que é uma espécie de “Dia da Marmota” mas com mortes, quando percebi que esta semana se vai passar mais ou menos o mesmo com o futebol português: de repente uma pessoa acorda e há Sp. Braga - FC Porto outra vez, no mesmo estádio, com os mesmos jogadores, os mesmos treinadores.

Três dias separam o encontro do campeonato, em que os minhotos estiveram por duas vezes a ganhar, mas acabaram a perder por 3-2, do encontro da 2.ª mão das meias-finais da Taça de Portugal, terça-feira às 20h15.

É como abrir uma matrioska: tiramos a parte de cima de uma e lá dentro está outra igual.

Neste caso, com uma diferença: ao contrário do jogo para o campeonato, em que tudo começou a zeros, em igualdade de circunstâncias, o jogo de terça-feira arranca já com o FC Porto com uma vantagem de 3-0 trazida da 1.ª mão. É como se o Sp. Braga fosse Nadia: também algures em “Russian Doll” (e a partir daqui, fica o aviso, há certos e determinados spoilers), ela acorda e a casa de banho já não é assim tão estilosa, o espelho desapareceu, o apartamento já não está cheio de amigos. Parece estar tudo prestes a desmoronar-se.

Mas, mesmo assim, ela vai à procura da salvação.

Na jornada deste fim de semana, o futebol português foi também, à sua maneira, uma boneca russa: esteve quase tudo para mudar, mas à última hora, abrimos a tampa e estava tudo igual. O FC Porto esteve quase a perder, o Sp. Braga a ganhar e, com isto, a luta pelo título dava uma volta dos diabos. E o Benfica só nos minutos finais conseguiu marcar ao Tondela. No final, o Benfica ganhou, o FC Porto também e as duas equipas continuam na frente do campeonato, com os mesmos pontos.

Iguais em pontos estão agora também Sporting e Sp. Braga, porque o Sporting foi a Chaves ganhar e aproveitou a derrota dos minhotos. Os leões que, a oito pontos da frente na I Liga, pensam já no que ainda podem vencer esta época e o que ainda podem vencer é a Taça. Para isso, terão de abrir a boneca russa e encontrar algo diferente lá dentro: na quarta-feira há dérbi em Alvalade, às 20h45, e o Benfica está em vantagem por 2-1.

E aqui, a ida ao Jamor está mesmo muito em aberto, não há certezas, como aquelas que temos quando abrimos uma matrioska. Tal como Nadia, que parece ter vidas infinitas, o Sporting ainda respira.

O que se passou

Miguel Oliveira pontuou pela primeira vez no MotoGP (à segunda corrida na categoria máxima), Lewis Hamilton venceu o GP Bahrein depois do Ferrari de Charles Leclerc dar o berro e Roger Federer ganhou o torneio cento e um da carreira, em Miami.

O Sporting venceu a Taça de Portugal masculina de futsal e o Benfica a feminina. Ah, e por falar nelas, jogou-se o primeiro dérbi entre Sporting e Benfica. Ganhou o Sporting, com direito a recorde nacional de assistência nas bancadas, mas quem ganhou mesmo, mesmo, foi Moçambique (e o fair-play, porque não?). No início da semana, e para mal dos nossos pecados, a Seleção Nacional voltou a empatar na qualificação para o Euro'2020, frente à Sérvia.

Imagino-o a aproximar-se daquele corpo inerte, a tomar-lhe o pulso e gritar: “Está vivo!” (Taaarabt, por Bruno Vieira Amaral)

O escritor reflete a propósito da ressureição do futebolista marroquino, aquele sobre quem um dia Luís Filipe Vieira - numa “das suas promessas solenes, sólidas como castelos de carta” - disse o seguinte: “não vestirá a camisola do Benfica de certeza”

Marques Revolutions, a mala de Abel, o kit de Seferovic, o baby carrier de Bruno, etc. (por Insónias em Carvão)

Bom domingo a todos, este é o trabalho inestimável do curador implacável das redes sociais que dá pelo nome de Insónias em Carvão. Como podem ver pelo título, os alvos desta rubrica estão bem identificados

Edmilson: “Gosto muito de tomar a minha cervejinha. Acho que o Fernando Santos vetou a minha contratação no Benfica pelas minhas noitadas”

É presidente do clube de futebol que fundou na sua terra natal, o Brasil, e está com um pé em Portugal, mais concretamente no Guarda Desportiva FC, clube da II divisão distrital. Mas é sobretudo pela sua passagem no FC Porto e no Sporting que este brasileiro de 47 anos ficou conhecido entre nós. Não só pelos golos que marcava como também pelas noitadas que adorava - e ainda gosta de fazer - e que não esconde, Jogou também em França, na Bélgica, na Noruega e, claro, no Brasil. Com as duas filhas a viver na Maia, confessa que o Porto é a sua segunda casa e que um dia ainda vai escrever um livro com as muitas histórias que viveu no futebol

Diogo Faro viu o Sporting a meio de um casamento e notou que Renan é o clássico tio bebâdo, Mathieu o pai da noiva e Bruno é o amor

O Sporting venceu em Chaves, por 3-1, enquanto Diogo se enfrascav... assistia a um casamento, no qual não pôde deixar de observar semelhanças com a sua equipa do coração - isto antes de tentar curtir com a avó da noiva, por culpa de Raphinha

Valium? Não. Xanax? Isso é para meninos. Rohypnol? Não faz efeito. Desde que Um Azar do Kralj descobriu a Seferovitina não quer outra coisa

Vasco Mendonça só tem coisas bonitas a dizer sobre Seferovic, que deu a vitória ao Benfica, esta noite, frente ao Tondela (1-0), para a 27ª jornada da Liga, e também tem uma mensagem para o estreante Adel Taarabt: "Merece seguramente mais minutos nesta equipa, mas antes, meus amigos, merece uma bebedeira de caixão à cova"

São três pontos muito importantes na luta por deixar o Abel furioso (foi assim que Lá em Casa Mando Eu viu o Braga-FC Porto)

Lá em Casa Mando Eu ficou com o coração nas mãos várias vezes no Sporting de Braga-FC Porto (2-3), mas felizmente tudo se compôs com a entrada de Fernando Andrade: "Entrou para sofrer o penálti que deu a vitória. São três pontos muito importantes na luta pelo título e, sobretudo, são três pontos muito importantes para deixar o Abel furioso"

Faltam oito finais até ao final da época e Duarte Gomes tem uma mensagem importante para todos os envolvidos: 15 premissas da arbitragem

O ex-árbitro Duarte Gomes escreve sobre a reta final da Liga NOS, que promete muitas emoções - mas também precisa de muito respeito entre todos

Nunca mais vão vestir a tua camisola, Manu

Manu Ginobili, "o melhor suplente de sempre", despediu-se esta madrugada do campo onde jogou a carreira toda na NBA. Ricardo Brito Reis, comentador de NBA, explica à <strong>Tribuna Expresso</strong> o que representou o argentino

A conclusão que se impõe sobre a seleção: tanta qualidade não pode continuar a ser desperdiçada em pontapés e bolas para o quintal

Dois empates em dois jogos numa Luz-talismã e perante os rivais mais fortes: soa o alerta na Seleção, precisamente no início da caminhada para o Euro 2020 – ou a meio, se considerarmos que a probabilidade de depender do “play-off” da Liga das Nações torna-se agora bem forte, ainda sem sabermos o que vai dar o caso Júnior Moraes para o lado ucraniano. Mais do que o resultadismo que parece já não garantir… resultados, e apesar de ainda ser possível trilhar um caminho que ficou mais íngreme, interessa olhar para o futuro imediato: é este o futebol que se adequa ao talento existente?

Zona mista

"Não sou guionista de nenhuma novela mexicana"

Sérgio Conceição, antes do encontro com o Sp. Braga que, de facto, teve contornos de enredo mexicano, com idas e vindas do resultado, com o FC Porto a ver-se em desvantagem por duas vezes antes de vencer por 3-2. Ay, ay, ay. Mas numa semana em que foi chamado de "javardo", esta tirada é, na verdade, uma resposta às dúvidas dos responsáveis da seleção do México sobre a suposta lesão que fez com que Corona não viajasse para o outro lado do charco há duas semanas. Novela ou não, o certo é que Corona jogou na Pedreira

O que aí vem

Segunda-feira

Ainda a fechar a jornada da I Liga, um jogo de aflitos entre Feirense e V. Setúbal (20h15, Sport TV1).

Na Premier League joga-se o Arsenal - Newcastle (20h, Sport TV2)

Terça-feira

Sp. Braga e FC Porto decidem quem vai estar no Jamor em finais de maio, nesta 2.ª mão das meias-finais da Taça de Portugal (20h15, Sport TV1).

A rapaziada mais nova dos dragões começa a tarde a jogar para a Youth League frente aos dinamarqueses do Midtjylland (15h, Porto Canal).

Na Serie A jogam-se o Milan - Udinese (18h, Sport TV3) e o Cagliari - Juventus (20h, Sport TV3). Provavelmente ainda sem Ronaldo.

Já na liga espanhola, também há muito e bom futebol: Atlético Madrid - Girona (18h30, ElevenSports1), Espanyol - Getafe (19h30, ElevenSports2) e Villarreal - Barcelona (20h30, ElevenSports1).

Na Alemanha é tempo de quartos de final da Taça: Paderborn 07 - Hamburgo (17h30, Sport TV4) e Augsburgo - RB Leipzig (19h45, Sport TV4).

Na Premier League, a lusitana armada do Wolverhampton joga frente ao Man. United, de Diogo Dalot (19h45, Sport TV2).

Há ainda um dos encontros das meias-finais da Taça de França, o Lyon - Rennes (20h10, Sport TV5).

Quarta-feira

Dérbi de nervos com direito a bilhete para o Jamor: o Sporting - Benfica, da 2.ª mão das meias-finais da Taça de Portugal, começa às 20h45 (RTP1).

Na Taça da Alemanha, há mais encontros dos quartos de final: Bayern Munique - Heidenheim (17h30, Sport TV2) e Schalke 04 - Werder Bremen (19h45, Sport TV5).

Na Serie A jogam-se o Empoli - Nápoles (18h, Sport TV3) e o Génova - Inter de Milão (20h, Sport TV3).

Na La Liga há Athletic Bilbao - Levante (18h30, ElevenSports1), Eibar - Rayo Vallecano (19h30, ElevenSports2), Huesca - Celta de Vigo (19h30, ElevenSports4) e Valencia - Real Madrid (20h30, ElevenSports1).

Man. City - Cardiff (19h45, Sport TV2) jogam para a Premier League e na liga escocesa há um St. Mirren - Celtic (19h45, ElevenSports5).

Paris SG - Nantes (20h, Sport TV4) encontram-se para as meias-finais da Taça de França.

Quinta-feira

Na liga holandesa há um PSV - Zwolle (17h30, Sport TV2), enquanto ao lado, na Bélgica, há um clássico local: Anderlecht - Club Brugge (19h30, ElevenSports4).

Para a liga italiana há Sassuolo - Chievo (18h, Sport TV1) e Atalanta - Bolonha (20h, Sport TV1).

Na La Liga há Sevilla - Alavés (18h30, ElevenSports1), Leganés - Valladolid (19h30, ElevenSports2) e Betis - Real Sociedad (20h30, ElevenSports1).

Sexta-feira

Antes da semana de Champions, o FC Porto arranca a jornada mais cedo, no dérbi com o Boavista (20h30, Sport TV1).

Na II Liga veja o Benfica B - Farense (19h, BTV).

Arranca também a jornada na Bundesliga, com o Mainz - Friburgo (19h30, ElevenSports1) e em França há clássico: Bordéus - Marselha (19h45, ElevenSports2).

Na Premier League há Southampton - Liverpool (20h, Sport TV2).

Sábado

Na liga portuguesa jogam-se o Nacional - Desp. Aves (15h30, Sport TV5), o Belenenses SAD - Santa Clara (15h30, Sport TV1), o V. Guimarães - Chaves (18h, Sport TV1) e o Moreirense - Sp. Braga (20h30, Sport TV1).

Na II Liga: Académica - FC Porto B (11h, Sport TV1).

Na liga espanhola, joga-se provavelmente o jogo do título: em caso de vitória sobre o Atl. Madrid, em casa, o Barcelona fica praticamente com as faixas na mão (19h45, ElevenSports1). Antes disso ainda há Girona - Espanyol (12h, ElevenSports1), Real Madrid - Eibar (15h15, ElevenSports1) e Rayo Vallecano - Valencia (17h30, ElevenSports1).

Na Serie A, há clássico entre Juventus e AC Milan (17h, Sport TV3). Com Ronaldo ou não, ainda é mistério. Jogam-se ainda o Parma - Torino (14h, Sport TV3) e o Sampdoria - Roma (19h30, Sport TV3).

Na Bundesliga, também há jogo grande entre o líder Borussia Dortmund e o vice-lider Bayern Munique (17h30, ElevenSports2). Veja ainda o Bayer Leverkusen - RB Leipzig (14h30, ElevenSports2) e o Schalke 04 - Eintracht Frankfurt (14h30, ElevenSports4).

Para a Ligue 1 há Lyon - Dijon (16h, ElevenSports5) e Guingamp - Monaco (19h, ElevenSports4) e na Premier League joga-se o Manchester City - Brighton (17h30, Sport TV2).

Domingo

Feirense - Benfica (17h30, Sport TV1) e Sporting - Rio Ave (20h, Sport TV2) são os jogos grandes do dia. Para a I Liga veja ainda o V. Setúbal - Marítimo (15h, Sport TV2).

Na II Liga há Leixões - Famalicão (11h15, Sport TV1).

Uma manhã e tarde com muitos jogos de liga espanhola: Alavés - Leganés (11h, ElevenSports1), Getafe - Athletic Bilbao (13h, ElevenSports1), Valladolid - Sevilla (15h15, ElevenSports1), Levante - Huesca (17h30, ElevenSports1), Celta de Vigo - Real Sociedad (17h30, ElevenSports4) e Bétis - Villarreal (19h45, ElevenSports1).

O mesmo na Serie A: Fiorentina - Frosinone (11h30, Sport TV3), Udinese - Empoli (14h, Sport TV3), Lazio - Sassuolo (17h, Sport TV2), Inter de Milão - Atalanta (17h, Sport TV5) e Nápoles - Génova (19h30, Sport TV3).

Na Premier League há desafios para Marco Silva e Nuno Espírito Santo: Everton - Arsenal (14h05, Sport TV1) e Watford - Wolverhampton (16h, Sport TV3).

Na Bundesliga siga o Augsburgo - Hoffenheim (14h30, ElevenSports2) e Borussia M'gladbach - Werder Bremen (17h, ElevenSports2). Em França há Reims - Lille (14h, ElevenSports4) e Paris SG - Estrasburgo (20h, ElevenSports2).

Hoje deu-nos para isto

Ouvir Sérgio Conceição falar de novelas mexicanas fez-nos logo relembrar um célebre encontro entre Portugal e México no Mundial de 2006. Célebre porque Portugal ganhou por 2-1, e isso é sempre agradável, mas principalmente pelo interessante comentário de Pablo Ramírez, da Univision, e a sua distintiva forma de se referir a Simão Sabrosa, que até marcou nesse jogo. Como a internet é um espaço de liberdade, alguém fez o favor de reunir em seis minutos todas as vezes que Ramírez se referiu a Simão Sabrosa, ou melhor, Simão... Sabrosssssssa (a qualidade do vídeo é fracota, mas o que interessa é ouvir)

O nosso Simão... Sabrosssssssssssa

Ouvir Sérgio Conceição falar de novelas mexicanas fez-nos logo relembrar um célebre encontro entre Portugal e México no Mundial de 2006. Célebre porque Portugal ganhou por 2-1, e isso é sempre agradável, mas principalmente pelo interessante comentário de Pablo Ramírez, da Univision, e a sua distintiva forma de se referir a Simão Sabrosa, que até marcou nesse jogo. Como a internet é um espaço de liberdade, alguém fez o favor de reunir em seis minutos todas as vezes que Ramírez se referiu a Simão Sabrosa, ou melhor, Simão... Sabrosssssssa