Tribuna Expresso

Perfil

Para o ano há mais

Partilhar

Sporting e FC Porto disputaram o último troféu da época 2018/19, no Jamor

Sporting e FC Porto disputaram o último troféu da época 2018/19, no Jamor

NurPhoto

Em agosto de 2018, o FC Porto de Sérgio Conceição começava a época em grande, a conquistar a Supertaça, perante o Aves; em janeiro de 2019, a meio da época, o Sporting de Marcel Keizer (previamente de José Peseiro) reconquistava o orgulho, a conquistar a Taça da Liga, perante o FC Porto; há uma semana, o Benfica de Bruno Lage (previamente de Rui Vitória) recuperava de um atraso pontual que chegou a parecer irrevogável, sagrando-se campeão, à frente do FC Porto; e, no passado sábado, em mais uma bela tarde de futebol no Jamor, o Sporting conquistou a Taça de Portugal frente ao FC Porto e encerrou em festa a época 2018/19, no que diz respeito ao futebol nacional profissional.

Posto assim, até parece ter sido uma época relativamente tranquila, com uns a ganharem aqui e outros ali. Não foi, obviamente, assim, como todos bem sabemos, entre guerrilhas de comunicação e discussões sobre árbitros e videoárbitros, mas não há nada como o amanhã para nos colocar uma réstia de esperança no coração e um sorriso no rosto. Quem festejou, já pede mais ("o 38" - a esse propósito, espero que o estimado leitor já tenha em sua posse a #37, revista especial da Tribuna Expresso sobre o campeonato conquistado pelo Benfica); quem chorou, agora imagina mais.

Felizmente, no futebol, o sucesso, não tendo sido presente, pode ser sempre futuro, por muito mal que esteja uma equipa - e é isso que nos leva sempre a dizer "para o ano há mais". As equipas que ganham, marcam, mas as que não ganham também conseguem fazê-lo: sábado, na final da Liga dos Campeões, o Liverpool pode acabar a época de mãos a abanar... mas não deixa de ter feito uma grande época. Ganhando ou perdendo, cabe-nos sempre a nós decidir como encaramos os resultados: com a azia de não cumprimentar um adversário ou com a elevação de lhe reconhecer mérito.

Pessoalmente, prefiro tentar a segunda opção, explicada assim por um "homem comum" chamado Bruno Lage: "Sou um homem comum, que acha que temos de dar outro sentido à nossa vivência em sociedade e a nível desportivo. Só depende de nós dar o primeiro passo para essa mudança de mentalidades. Quero continuar a ganhar, mas a respeitar todos, quem ganha e quem perde, é esse o primeiro passo".

No futebol, por muito dolorosa que seja uma derrota ou por muito saborosa que seja uma vitória, há sempre o amanhã. O próximo treino, o próximo jogo, a próxima época. Citando, mais uma vez, o treinador campeão desta Liga 2018/19: "É sempre a andar, keep going, let's go". Para o ano há mais.

O que se passou

há novas datas para o pré-julgamento de Alcochete; a Atalanta assegurou o 3º lugar na Serie A e conquistou uma vaga na Liga dos Campeões, pela primeira vez; Lewis Hamilton ganhou no Mónaco; Roger Federer regressou a Roland Garros; o Barcelona voltou a derrapar; e Marta Paço é a primeira campeã da Europa de surf adaptado.

É mesmo assim

Bruno Vieira Amaral recorda com carinho algumas finais da Taça de Portugal no Jamor e endereça a "azia e mau perder" de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto

O dj Bruno, a Tropa de Elite, o rapper Mathieu e um passou-bem interrompido (por Insónias em Carvão)

Ora aqui está mais um conjunto de impressões do nosso curador das redes sociais, numa edição dedicada à temática Taça de Portugal e que prova, de uma vez por todas, que aquele desencontro de Varandas e Sérgio Conceição afinal foi só pirraça

Diogo Faro está HISTÉRICO, porque isto foi LINDO e ÉPICO e diz obrigada, gracias, merci, dank je e até хвалa aos jogadores do Sporting

Numa crónica em que não fala mal de ninguém, nem mesmo de Gudelj ou de Ilori, Diogo Faro agradece aos jogadores que lhe deram a alegria de vencer uma Taça de Portugal, um ano depois dos acontecimentos de Alcochete

Nélson Pereira: "Guarda-redes já levam informações sobre o que os batedores podem fazer, mas a concentração nestes momentos é determinante"

Dorme sempre com o bloco de notas ao lado da cama, não vão os sonhos trazer-lhe ideias para novos exercícios. Nélson Pereira passou 10 anos como guarda-redes do Sporting e já vai em sete épocas como treinador dos homens das balizas do clube de Alvalade. É o denominador comum dos cinco desempates através de pontapés da marca de grande penalidade que valeram duas Taças da Liga e uma Taça de Portugal ao Sporting nas duas últimas temporadas. À <strong>Tribuna Expresso</strong>, explica-nos o que mudou no treino dos guarda-redes, de como cada vez mais se falham grandes penalidades e do que é preciso para ser bom a defendê-las. Sem esquecer a polémica da última temporada, quando nas meias-finais da Taça da Liga entre Sporting e FC Porto, esteve atrás da baliza do então titular dos leões, Rui Patrício. <em>Esta entrevista foi originalmente publicada a 2 de fevereiro de 2019, depois do Sporting vencer a Taça da Liga </em>

O aquecimento de Adrián López, o MB Way do FC Porto e essa coisa de perder nos penáltis com o Sporting (por Lá em Casa Mando Eu)

Depois do FC Porto perder a Taça de Portugal para o Sporting (nos penáltis, claro), Catarina Pereira lamenta que lhe tenha sido pedido um texto em que lhe pedem a análise individual de cada jogador do FC Porto, em vez de ela só poder escrever uma só vez que não os pode ver à frente

Quando a Académica perdeu no Jamor, mas fez tremer a ditadura

A história do dia em que milhares de estudantes jogaram uma final da Taça de Portugal contra o Estado Novo. A equipa da Académica de Coimbra perdeu o jogo mas fez tremer a ditadura. O futebol foi um símbolo de liberdade, e imortalizou um momento histórico de uma luta que começou muito antes do pontapé de saída no Jamor. Cinquenta anos depois, Sporting e Futebol Clube do Porto jogam este sábado mais uma final.

Nuno Pinto: “O Jaime Pacheco disse que era mais importante eu treinar do que ir assistir ao parto. 'Ó mister, fogo, é o primeiro filho...'”

Esta época viu os holofotes virarem-se para ele pela pior das razões, quando, em dezembro passado, foi-lhe diagnosticado um linfoma. Cinco meses e 10 tratamentos depois, Nuno Pinto, 32 anos, regressou ao Bonfim para fazer o último encontro da temporada pelo V. Setúbal, a sua "casa" desde 2015/16. Antes disso já tinha vestido a camisola de clubes como o Vilanovense, da sua terra natal, Boavista, Trofense e Nacional da Madeira, bem como dos estrangeiros Levski de Sofia (Bulgária), SC Tavryia (Ucrânia) e Astra Giurgiu (Roménia), e recorda à <strong>Tribuna Expresso</strong> uma carreira que foi bruscamente interrompida, mas vai continuar já na próxima época

Pichardo, Nelson Évora e a lei da vida: “É difícil aceitar deixar de ser o melhor para passar a ser o segundo. Ninguém fica para sempre”

Chegou a Portugal em abril de 2017, naturalizou-se português em dezembro do mesmo ano e em maio do ano passado bateu o recorde português, que pertencia a Nelson Évora, ao saltar 17,95m. O seu recorde pessoal é 18,08m, e a partir de agosto passa a poder representar Portugal - e nunca mais quer voltar para Cuba, conta à <strong>Tribuna Expresso</strong>

Zona mista

"Não percebi, nem consegui ouvir. O barulho dos festejos dos adeptos do Sporting estava demasiado alto e eu não consegui perceber. Num dia destes, isso não interessa para nada."

- Frederico Varandas, presidente do Sporting, questionado sobre o que lhe disse Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, que não o cumprimentou na tribuna no Jamor

O que aí vem

Segunda-feira, 27

Prossegue o Mundial sub-20, com vários jogos que pode ver online na RTP Play (Honduras-Uruguai, 17h; Qatar-Ucrânia, 17h - destaque especial para a seleção qatari, por ser liderada por um treinador português, Bruno Pinheiro, com assistência de outro português, Lino Godinho; Noruega-Nova Zelândia, 19h30) e na RTP 2 (EUA-Nigéria, 19h30). Na Alemanha, às 19h30 (Eleven Sports) Estugarda e Union Berlin vão decidir quem chega à Bundesliga em 2019/20 (na 1ª mão, em Estugarda, 2-2).

Terça-feira, 28

Depois de ter vencido a Coreia na 1ª jornada (1-0), Portugal volta a entrar em campo no Mundial sub-20, perante a Argentina (17h, RTP1). Há também Panamá-França (17h, RTP Play), África do Sul-Coreia (19h30, RTP2) e Arábia Saudita-Mali (19h30, RTP Play).

Quarta-feira, 29

É dia de final da Liga Europa, entre ingleses: Arsenal-Chelsea, às 20h, em direto na SIC e na Tribuna Expresso. Há mais Mundial sub-20: às 17h, Equador-México e Itália-Japão; às 19h30, Senegal-Polónia e Colômbia-Taiti. Na BTV, às 20h30, há futebol feminino, da fase final da 2ª Divisão (o Benfica irá subir de divisão): Benfica-Estoril Praia B. Em andebol, há FC Porto-Benfica, às 20h, no Porto Canal.

Quinta-feira, 30

À 1h da manhã, há MLS entre DC United e Chicago Fire (SportTV3). Mais Mundial sub-20: às 17h, Noruega-Honduras e Nova Zelândia-Uruguai e, às 19h30, EUA-Qatar e Nigéria-Ucrânia.

Sexta-feira, 31

Portugal volta a jogar, agora contra a África do Sul (19h30, RTP1). Às 17h, há Arábia Saudita-Panamá e Mali-França e, às 19h30, Coreia-Argentina.

Sábado, 1

É dia de final da Liga dos Campeões, entre mais ingleses: Tottenham-Liverpool, às 20h, na Eleven Sports e na TVI. Às 17h, FC Porto e Sp. Braga disputam a fase final do Campeonato de Juniores (Porto Canal). Às 22h, há MLS entre Montréal e Orlando City (SportTV2). Em hóquei em patins, há Riba D'Ave-Oliveirense, às 12h, e Benfica-Sporting, às 16h, ambos na TVI24. Em voleibol, Portugal começa a Liga das Nações perante a Argentina.

Domingo, 2

Precisamente às 0h, há MLS entre NY Red Bulls e Salt Lake (SportTV2). Às 11h, em iniciados, há FC Porto-Sporting. Às 12h35, há Liga chinesa entre Tianjin Teda e Beijing Guoan (SportTV2). Às 16h e às 17h, a FPF transmite online a fase final do Campeonato Nacional de Seniores: Praiense-Fafe, U. Leiria-Lusitânia Lourosa, Sp. Espinho-Casa Pia e Vizela-Vilafranquense. Às 20h, há amigável entre França e Bolívia (SportTV1).

Hoje deu-nos para isto

Alex Livesey/Getty Images

Hoje é dia de festa na Tribuna Expresso, já que este foi escolhido como o projeto online do ano pelo CNID (Associação dos Jornalistas de Desporto). Enquanto o Pedro Candeias está em Portimão para receber o prémio, a restante redação está a dar no duro... ou se calhar está só a recordar a festa pós-Euro 2016, precisamente a altura em que nasceu a Tribuna Expresso. Como disse o nosso herói eterno, Eder, de forma tão eloquente: "Hoje é feriado, caralho!"

Dia de festa é “feriado, c...”

Recorde a festa da seleção de Portugal na Alameda, após a conquista do Euro 2016