Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

"Tentamos antecipar os vários cenários possíveis do adversário"

Nas ausências forçadas de Sérgio Conceição e Lito Vidigal, conheça as declarações dos adjuntos no final do FC Porto 2-0 Boavista

Getty

Partilhar

Vítor Bruno

Paciência

"Conhecemos a forma de trabalhar do Lito Vidigal. Noutras circunstâncias apresentou uma postura semelhante e era preciso ter alguma paciência. Dotámos o corredor lateral de alguma vertigem, projetando os laterais.Criámos várias ocaisões na primeira parte e o resultado ao intervalo pecava por escasso."

Sem consciência

"Na segunda parte fizemos o 2-0 e acabámos por, inconscientemente, gerir o jogo a pensar no jogo com o Liveprool. Percebemos que quem está no campo faça essa gestão.O Boavista acercou-se da nossa baliza uma ou outra vez mas sem fazer grande mossa."

Postura semelhante

"Tentamos antecipar os vários cenários possíveis do adversário. Nas Aves no ano passado, o Lito Vidigal apresentou uma postura semelhante. É uma opção dele."

Professor Neca

Alterações

"A mudança faz parte da estratégia, cada jogo é diferente, entrámos bem no jogo e também porque essas mudanças enviam a mensagem de que acreditamos em todo os jogadores. Esta era a melhor equipa para este momento."

Gerir

"Temos bastantes jogadores com quatro amarelos e há que saber gerir isso. Mas entrámos bem no jogo, um jogo no qual o FC Porto foi mais pressionante, mas nós estivemos sempre bem organizados ao longo de quase toda a primeira parte e sabíamos que era importante levar o empate para intervalo. O golo surge já muito perto do final da primeira parte, um penálti é sempre difícil para o nosso guarda-redes e FC Porto concretizou. Fomos para o intervalo a perder, deu conforto ao FC Porto. Na segunda parte entrámos com a estratégia de prolongar o 1-0 para no final aproveitar alguma instabilidade do FC Porto. Na entrada da segunda parte o FC Porto acabou por ser mais feliz e fazer o 2-0."

Atitude positiva

"A vitória é justa, mas há que realçar a atitude positiva do Boavista, há é diferença de qualidade. A nossa massa adepta esteve presente, acredita nesta equipa, e com eles vamos conseguir o nosso objetivo."

Penálti

"Já conseguimos [fazer frente ao FC Porto com três centrais], com o Arouca viemos aqui e ganhámos, cada jogo tem a sua estratégia e no nosso pensamento era a nossa estratégia ideal. Quebrámos num penálti, se fôssemos para o intervalo com 0-0 a história podia ter sido outra. Parabéns ao nosso adversário, parabéns aos jogadores do Boavista, temos equipa com capacidade para fazer aquilo que pretendemos."