Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

Conceição: "Elogios de Pinto da Costa? Eu conheço-o e acho que foi um puxão de orelhas como quem diz 'está aqui um campeonato para ganhar'"

FC Porto arranca a Liga no sábado, frente ao Gil Vicente e Sérgio Conceição sublinha a importância de começar o campeonato com uma vitória

Tribuna Expresso

Rafael Marchante

Partilhar

Gil Vicente

"É uma equipa que está de regresso e com vontade de se afirmar e cimentar posição na 1.ª Liga. Uma equipa com muitos jogadores que desconhecem a nossa Liga, mas com um treinador que compensa tudo isso pelo conhecimento que tem do futebol português. Vai ser um adversário difícil.

Objetivos para a época

"Ganhar títulos, é o que espero. Agora mais importante que isso é ter a postura que temos tido e aquilo que espero é que aconteça aquilo que aconteceu nos últimos dois anos, que haja sempre uma grande sintonia com os adeptos, estrutura. É o que espero e tenho confiança que é o que vai acontecer"

Começar bem

"Tive a oportunidade de dizer na última antevisão que nos últimos 10 anos, foi nas duas últimas temporadas que o FC Porto fez mais pontos, mas o campeonato começa com zero pontos. É importantíssimo começar a ganhar, porque a conquista do campeonato que é o nosso principal obejtivo. Esperamos dificuldades, preparámos o jogo mas não vai mudar muito naquilo que é a identidade do FC Porto. Os jogadores estão identificados com as dificuldades que vamos encontrar ao logo do ano"

Elogios de Pinto da Costa

"Olhando para a história do FC Porto e olhando para nomes como Pedroto, Bobby Robson, Artur Jorge, Fernando Santos, obviamente que fico orgulhoso, mas é uma responsabilidade danada. Tudo aquilo que é feito aqui é em sintonia com a direção e equipa técnica. É tudo feito de forma conjunta. O sentimento é o mesmo, espero ver o presidente aqui muitos anos. É o mais titulado do mundo. Os elogios são bons, não sou muito destas coisas. Mas eu conheço-o e acho que foi um puxão de orelhas como quem diz “está aqui um campeonato para ganhar”.

Exibição de Baró

"Gostei da exibição da equipa. Existem coisas que devemos melhorar, nos diferentes momentos do jogo,. Não gosto de individualizar. Os jogadores jogam pela qualidade que têm e pelo trabalho, estar a falar de um ou outro não gosto, não fica bem. o que tenho a dizer é que foi um resultado importante, num jogo difícil"

Uribe no onze

"Mateus é diferente, estivemos na Rússia e ele não tinha ainda trabalhado com a equipa. Só fez um treino. Ser utilizado, ainda vamos ver. É um processo diferente do Marchesín que teve mais tempo de treino. E sinceramente acho que é mais fácil dar a titularidade a um guarda-redes do que a um jogador de campo. Porque é mais difícil a um jogador do meio-campo conhecer aquilo que nós fazemos"

Iker Casillas vai voltar?

"É um chavão mas os campeões nunca desistem e o Iker é mesmo isso. É a grande vontade que ele tem, mas há o outro lado, a opinião do departamento técnico de ele continuar ou não. Mas a vontade só diz sobre o carácter de grande campeão dele"