Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

Pepe fica até aos 40: "Renova dois anos porque está frio, para o ano também deve estar, por isso assim só voltamos aqui daqui a dois anos”

Capitão do FC Porto vai ser jogador do FC Porto até 2023, renovação anunciada esta quarta-feira no Estádio do Dragão por Pinto da Costa, que no seu habitual humor explicou o porquê de renovar com o internacional português por dois anos e não por apenas um

Lídia Paralta Gomes

Quality Sport Images

Partilhar

Pepe vai ser jogador do FC Porto até aos 40 anos. O central e o clube chegaram a acordo para a renovação de contrato até 2023, anunciada esta quarta-feira no Estádio do Dragão por Pinto da Costa.

O presidente do FC Porto sublinhou que esta é a primeira de "muitas renovações" que o clube está a preparar, mas que era importante começar pelo capitão de equipa.

"Fizemos questão de começar por ele, porque é o capitão e alem de ser o atleta que é, é um homem de H muito grande, que vive o FC Porto como muitos que aqui nasceram não conseguem", sublinhou Pinto da Costa, que no seu habitual humor cortante respondeu às questões do porquê de ter dado um contrato de dois anos a um jogador já com 37 anos.

"Renova por dois anos porque hoje está frio, para o ano também deve estar frio, por isso assim só voltamos aqui daqui a dois”, atirou o líder dos dragões, que acredita que este pode não ser o último contrato de Pepe com o FC Porto: "Como o meu mandato é de quatro anos se calhar ainda nos vamos voltar a ver aqui".

Sublinhando que Pepe foi "um dos pilares da dobradinha" do ano passado, Pinto da Costa disse ainda não esquecer a vontade do jogador em voltar ao FC Porto, num altura em que tinha propostas mais apetecíveis, depois de um ano no Besiktas.

"Não esqueço nunca que quando regressaste ao FC Porto foi por paixão. Tive na mão as propostas dos melhores clubes da Europa que tu tinhas e tu disseste que era o FC Porto que querias. Hoje retribuo dizendo que é o Pepe que nós queremos", rematou.

Já Pepe agradeceu a confiança da direção do FC Porto e agradeceu também a Sérgio Conceição a aposta quando regressou ao clube em 2018/19.

"Ele faz com que compitamos ao mais alto nível, mesmo aos meus 37 anos. Quero colocar o meu grãozinho de areia para levar o nome do clube ainda mais longe e que no final possamos todos estar a festejar títulos, é isso que me faz levantar todos os dias", afirmou.

Pepe chegou ao FC Porto para um primeiro período no clube em 2004/05, saindo para o Real Madrid em 2007/08. Depois de uma passagem pelo Besiktas, voltaria ao Dragão, onde se sagrou campeão nacional e vencedor da Taça na última temporada.