Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

FC Porto reclama €3 milhões que o Fisco tarda em desbloquear

SAD azul e branca está há meses à espera de um reembolso de IVA e desespera com a demora da Autoridade Tributária

Miguel Prado

Mark Leech/Offside

Partilhar

O Futebol Clube do Porto (FCP) está há meses à espera de um reembolso de IVA (imposto sobre o valor acrescentado), que tarda em chegar, mesmo depois de um apelo da SAD azul e branca junto do Governo. Em causa, apurou o Expresso, está um reembolso de €3 milhões aos quais o FCP diz ter direito, mas sobre os quais a Autoridade Tributária (AT) tem dúvidas.

O tema é relevante para os dragões sobretudo à luz da sua situação financeira. O FCP melhorou as contas no primeiro semestre da temporada 2020/21, alcançando um lucro semestral de €34 milhões, mas tem ainda um capital próprio negativo de €117 milhões, e um conjunto de empréstimos para reembolsar durante este ano de valor significativo. E com os estádios fechados, os clubes de futebol têm enfrentado desafios acrescidos na gestão da sua tesouraria.