Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Bruno Fernandes, o médio que mais marca na Europa

O percurso de Bruno Fernandes esta época não tem comparação: não há nenhum médio nas cinco principais ligas europeias - Premier League, La Liga, Serie A, Bundesliga e Ligue 1 - que tenha mais golos marcados que o português

Expresso

NurPhoto

Partilhar

Numa equipa devastada por um episódio macabro e muitas polémicas na época passada, Bruno Fernandes tem sido um pulmão, um segundo coração. O médio português do Sporting, que podia ter saído de Alvalade no último verão, é o timoneiro da equipa de Marcel Keizer (tal como foi de Peseiro). Por comparação, será difícil encontrar um jogador que tenha sido tão decisivo nos resultados da própria equipa nos outros dois grandes.

No entanto, tudo que é bom acaba sempre por ser cobiçado - o que no futebol não é necessariamente mau. Os cofres de Alvalade passaram por momentos periclitantes nos últimos meses e uma injeção de capital, enquanto os processos jurídicos por Gelson Martins, Podence, Rafael Leão e Rúben Ribeiro correm, poderá vir a calhar.

Não é de estranhar, pois, que Bruno Fernandes esteja a chamar à atenção dos ditos “tubarões” europeus. Com os dois golos ao Feirense, Bruno Fernandes, que é médio, vale apena recordar, elevou a conta pessoal na época em curso para 20 tentos - mais do que o avançado Bas Dost já marcou desde setembro.

Conforme lembra o “Record” esta terça-feira, desde Balakov, na época 1993/94, que não se via um médio tão finalizador em Alvalade.

Mesmo ao nível europeu, o percurso de Bruno Fernandes esta época não tem comparação. Não há nenhum médio nas cinco principais ligas europeias - Premier League, La Liga, Serie A, Bundesliga e Ligue 1 - que tenha mais golos marcados que o português.

Os jogadores que mais se aproximam dos números de Bruno Fernandes são Pablo Sarabia, do Sevilla, e Marco Reus, do Borussia Dortmund. O espanhol conta com 18 golos, enquanto o alemão leva 17.