Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Ricciardi garante ter investidor "ocidental" com 200 milhões para meter no Sporting e que venda da SAD não está em causa

Questionado se os 200 milhões serviriam para comprar a maioria da SAD, Ricciardi foi evasivo

Expresso

DR

Partilhar

Há cerca de quinze dias, José Maria Ricciardi, ex-membro do Conselho Fiscal do Sporting, afirmou, em entrevista ao “Record”, ter andado à procura pela Europa de investidores para capitalizar o clube de Alvalade. (Tudo isto, sem o aval de Frederico Varandas, atual presidente do clube.)

Ao todo, garantiu o banqueiro, encontrou 200 milhões de euros para injetar nos leões, valor que ajudaria muito as finanças do clube - e que capitalizaria, de modo informal, uma nova candidatura à liderança do Sporting.

Em entrevista ao “Público” esta segunda-feira, o banqueiro revela que a nacionalidade do investidor é “ocidental” e volta a dizer que este terá 200 milhões de euros para meter nos cofres do clube.

Questionado se esse valor serviria para comprar a maioria da SAD, Ricciardi foi evasivo. “Para já não se põe esse problema”, diz. Em todo o caso, numa fase seguinte, diz que “logo se vê”.