Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Pinto da Costa diz que saída de Sérgio Conceição “não é assunto” e assume estar à procura de substituto de Casillas

Mesmo uma derrota na final da Taça de Portugal não poderá abalar a continuidade do treinador português, garante Pinto da Costa, em entrevista ao jornal “O Jogo” esta quarta-feira

Expresso

Paulo Duarte

Partilhar

Sérgio Conceição renovou recentemente com o FC Porto até 2021, mas Pinto da Costa espera que este não seja o último contrato entre o treinador e o clube, garante o Presidente dos dragões, em entrevista ao “Jogo” esta quarta-feira.

“Há pouco tempo ele renovou contrato e não é para o ano, é para mais dois. E não renovou para mais três porque o meu mandato acaba entretanto e essas coisas estão interligadas. O que eu li e ele me disse a mim é que estaria sempre de alma e coração no FC Porto, que é o seu clube, enquanto eu entendesse. No dia em que eu não quisesse ou entendesse que era melhor ele sair, ele faria as malas e sairia sem qualquer indemnização. (...) O Sérgio Conceição será treinador mais dois anos, que são os que tem de contrato”, diz.

Mesmo uma derrota na final da Taça de Portugal não poderá abalar a continuidade do treinador português, garante Pinto da Costa. “A saída do Sérgio não é assunto e espero que, daqui a dois anos, seja eu ou quem cá estiver tenha a possibilidade e o bom senso de renovar com ele. Não é assunto. Foi ele que foi tirar os padres à sacristia para estes jogos? Não foi”, afirma.

Ainda na mesma entrevista, o presidente do FC Porto falou sobre o futuro de Casillas no clube. Pinto da Costa assume o infortúnio, mas não afasta, para já, o guardião espanhol a título definitivo dos campos.

“Temos um problema suplementar com o Casillas com quem tínhamos renovado e não precisaríamos de guarda-redes. Agora pensamos que vamos precisar, mas também esse caso já está a ser tratado. Para cada lugar temos jogadores escolhidos como objetivos. Não vou estar a revelar, mas estamos tranquilos”, diz.