Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Ferro: “Muitos milhões de euros já entraram no Benfica fruto da venda de atletas jovens”

Em entrevista ao “Record”, o jovem que veio da equipa B confessa que quer ficar pelo menos mais um ano no Benfica, elogia o trabalho feito por Bruno Lage e fala sobre a venda de alguns dos seus colegas

Expresso

Anadolu Agency/Getty

Partilhar

A formação de jogadores do Benfica no Seixal tem dado cada vez mais frutos. Nos últimos anos, houve vários jovens a sair de lá diretamente para a equipa principal encarnada ou outros grandes clubes europeus. Ferro é um desses casos.

Em entrevista ao “Record”, o jovem que veio da equipa B confessa que quer ficar pelo menos mais um ano no Benfica, elogia o trabalho feito por Bruno Lage e fala sobre a venda de alguns dos seus colegas.

“No passado já saíram muitos jovens sem jogar e serem campeões pela equipa principal e que nesta altura estão na elite do futebol. Agora, as pessoas que se calhar olhavam para isto com alguma desconfiança, olham como sendo a aposta certa. Muitos milhões de euros já entraram no clube fruto da venda desses atletas jovens”, afirma Ferro.

Há quase um ano, o jovem português não fazia parte do plantel principal do Benfica e foi por pouco que não saiu. “Sabia que não estava a ser aposta na equipa principal, sabiam que queriam ficar comigo na B, mas também achava que era um pouco curto. Mas o míster Bruno Lage sempre falou comigo e disse para eu não sair já, para esperar, pois ele acreditava em mim. Depois de tudo, ele acabou por ter razão e só tenho de lhe agradecer”, diz.

O objetivo principal de Ferro, no curto prazo, é chegar à seleção nacional. “É um sonho e trabalho para poder um dia chegar à seleção principal. Mas isso também acontecerá dependendo sempre da estratégia do míster Fernando Santos. Por exemplo, de quantos centrais e jogadores ele queira convocar em determinado momento. Claro que é um sonho, mas serei sempre mais um que está disponível para ajudar”, conta.