Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Deram 14 dias de vida ao Bolton

O clube do Norte de Inglaterra recebeu um ultimato da liga e tem agora 14 dias para encontrar um comprador ou pode mesmo fechar portas

Tribuna Expresso

Clint Hughes

Partilhar

O Bolton Wanderers, atualmente na English Football League (segunda liga, a seguir à Premier League) enfrenta dias negros. Depois de ter visto fugir uma hipótese de compra no passado fim de semana, o clube tem agora 14 dias para encontrar novos investidores ou não poderá competir esta época.

O histórico emblema, um dos fundadores da liga inglesa, em 1888, recebeu a ameaça da EFL logo após a notícia da expulsão efetiva do vizinho Bury. Ou seja, a indesejada hipótese é mesmo real. O Bolton tem até às 23:59 de 12 de setembro para concluir a venda ou provar que pode ser financiado de qualquer outra forma, opção que a direção assume ser impraticável.

Numa declaração pública, Debbie Jevans, presidente da EFL, disse: “Apesar das garantias repetidas, estamos profundamente desiludidos por ainda não termos podido alcançar uma resolução favorável com a venda do Bolton Wanderers e tivemos, por isso, de tomar a decisão [de emitir a nota que impõe um prazo]. Peço novamente a todas as partes que concluam o processo de compra e venda.”