Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

10 motivos para Neymar ainda não estar em Barcelona

Faltam quatro dias para o fecho do mercado e Neymar continua em Paris, à espera de uma aberta para rumar ao antigo clube

Tribuna Expresso

Paris Saint-Germain Football/Getty

Partilhar

Enquanto Neymar aguarda que as negociações entre o atual e o antigo clube deem resultados, em Espanha, o jornal “As” vai entretendo os impacientes e enumera os dez motivos que estão a atrasar o regresso do internacional brasileiro ao Camp Nou.

Segundo o jornal desportivo, falta um gesto por parte do jogador, como um ato de rebeldia que force o clube francês a libertá-lo. Por outro lado, falta capacidade financeira ao Barcelona para despender uma verba avultada nesta fase.

Existe falta de sintonia entre os dois clubes, bem como pouca ou nenhuma colaboração dos jogadores que poderiam ajudar a desbloquear o negócio, Dembélé ou Rakitic.

Falta tempo para concretizar uma operação que se vem prolongando desde a última primavera, como há também pouca privacidade num processo negocial cujos avanços e recuos têm sido amplamente expostos na praça pública.

Escreve ainda o jornal espanhol que não existe consenso no que respeita ao regresso de Neymar ao Camp Nou. A ausência de liderança por parte de Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, concorre também para a incerteza quanto ao desfecho do negócio.

Por último, é referido o facto de o projeto desportivo do clube catalão não permitir perceber qual a urgência de fazer regressar Neymar, bem como a falta de sinceridade entre as três partes: Barcelona, PSG e Neymar.