Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Bruno Fernandes abdicou de €5 milhões e avisou o plantel que Keizer se demitira por WhatsApp

O capitão do Sporting vai reunir-se com Frederico Varandas depois dos jogos da seleção para finalizar o novo contrato

Tribuna Expresso

NurPhoto

Partilhar

Após a cobiça de vários clubes europeus, Bruno Fernandes acaba por ser o principal “reforço” do Sporting para a nova época. De acordo com a informação recolhida pelo jornal “Record”, apesar de haver ainda arestas por limar, está bem encaminhada a assinatura de um novo contrato. Bruno terá mesmo abdicado de cinco milhões de euros que eram seus por direito, que teriam sido contratualmente acertados após o seu regresso ao Sporting, e que receberia se a SAD recusasse uma proposta superior a 35 milhões de euros.

Terá sido recusada, no início de agosto, uma oferta do Tottenham, superior a 35 milhões, o que obrigaria a SAD do Sporting a indemnizar Bruno Fernandes e seus empresários em cinco milhões de euros. No entanto, por acordo entre todas as partes, tal não acontecerá.

Capitão avisou os colegas por Whatsapp

Apesar de estar na seleção, Bruno Fernandes recorreu ao Whatsapp para alertar os companheiros para o fim da era Keizer. O técnico holandês ainda orientou o treino e foi apenas no fim da sessão de trabalho que se reuniu com a direção. Apesar da rapidez da reunião, quando regressou ao balneário, Keizer já não encontrou os jogadores e não pôde dar-lhes a notícia.

O internacional português terá sido avisado da situação e fez questão de partilhar de imediato a informação, para evitar surpresas.

Mourinho precisa do Sporting e o Sporting precisa de Mourinho. Não há dinheiro? Tem de haver

Nicolau Santos, sportinguista e presidente do Conselho de Administração da Lusa, lança-se na prospeção de mercado para dizer a Varandas qual o homem certo para o lugar de Keizer. E explana os seus argumentos