Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Salvini: “Balotelli é um milionário mimado e rude, não aceitamos lições dele”

O vice-primeiro-ministro de Itália chega a pôr em causa a ida do jogador à seleção: “há muitos melhores do que ele”

Tribuna Expresso

Alessandro Sabattini/Getty

Partilhar

Matteo Salvini, líder da Liga, partido de extrema-direita, e vice-primeiro-ministro de Itália, afirmou num programa de televisão que "Balotelli é italiano e quem distingue o ser humano pela cor da pele é um idiota. Agora, lições de um milionário mimado e rude, não aceitamos". Salvini reagiu desta forma quando questionado sobre o caso dos insultos racistas dirgidos a Balotelli, no último fim de semana.

Já antes, no parlamento italiano, o político tinha desvalorizado o caso e voltou a fazê-lo, apontado o dedo ao presidente da federação italiana de futebol: "O racismo deve ser condenado sempre, mas na minha opinião em Itália existem muitos jogadores melhores do que Balotelli; não cabe ao presidente da FIGC decidir quem joga e quem não joga."

"Os italianos são italianos, independentemente da cor da pele, mas, para mim, Balotelli não é um modelo. Posso dizer isto?", fez questão de ironizar Salvini.

O político quis abordar também o castigo do Verona ao líder da claque, Luca Castellini, que foi suspenso até 30 de junho de 2030, devido aos insultos racistas dirigidos a Mario Balotelli no jogo com o Bréscia, no último domingo. Sobre isso, Salvini considera: "Estamos num país curioso. Castigam um indivíduo que diz uma série de disparates delirantes que já não podia entrar no estádio"

Recorde-se que Mário Balotelli for alvo de insultos racistas na visita do Brescia ao Hellas Verona. Aos 10 minutos da segunda parte, quando estava junto à linha de fundo, o jogador italiano ouviu os cânticos racistas entoados pelos adeptos da casa. Balotelli, ao seu estilo, pontapeou a bola para a bancada e abandonou o relvado. Após alguns minutos de interrupção da partida, Balotelli regressou e ainda marcou um grande golo, que não evitou a derrota da sua equipa por 2-1.