Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Ronaldo não vai ser castigado mas os colegas aguardam pedido de desculpa

A Juventus está a tentar lidar da melhor maneira com a atitude de Cristiano Ronaldo no último jogo. Os companheiros de equipa também não esqueceram o episódio

Tribuna Expresso

MARCO BERTORELLO

Partilhar

Segundo o jornal italiano “Gazzetta dello Sport”, será “de luzes apagadas e sem muito clamor” que a Juventus colocará uma pedra sobre a polémica à volta da substituição de Cristiano Ronaldo no jogo com o AC Milan.

De acordo com o jornal italiano, citado por “A Bola”, o caso não passou despercebido à direção liderada por Andrea Agnelli. Fabio Paratici, diretor desportivo, entrou em contacto com Jorge Mendes logo após o final do jogo. Este tratará de esclarecer o episódio diretamente com o jogador, sem recurso a intermediários.

A “Gazzetta dello Sport adianta também que Cristiano Ronaldo não sofrerá qualquer castigo nem será multado pelo clube.

No entanto, há ainda a relação com os companheiros de equipa, que saiu abalada do episódio. Aparentemente, estes esperam um pedido de desculpa ou uma explicação do internacional português para o sucedido.

Substituído por Dybala, ao minuto 55, Cristiano Ronaldo seguiu diretamente para o balneário. Segundo a imprensa, terá mesmo abandonado o estádio antes do apito final.

No dia seguinte ao jogo, Ronaldo escreveu “Jogo difícil, vitória importante” no Instagram.

A seleção já treinou e Ronaldo também - sem limitações nem queixas

A seleção portuguesa já começou a preparar os jogos com a Lituânia e com o Luxemburgo - e Cristiano Ronaldo está completamente apto