Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

“Bale, volta, estás ‘perdoado’ e vais jogar.” Por esta ordem

O Real Madrid desvalorizou as celebrações controversas de Gareth Bale e assume que nada vai fazer para o castigar

Tribuna Expresso

Quality Sport Images

Partilhar

De acordo com a imprensa espanhola, os festejos do camisola 11 do Real Madrid, que não caíram bem junto de uma grande parte dos adeptos e de alguns dirigentes do clube, não vão originar qualquer castigo ou tomada de posição oficial por parte do Real.

“É o melhor jogador do nosso plantel”, garantiu fonte oficial do clube, adiantando que, salvo qualquer problema de última hora, o galês será mesmo titular na receção à Real Sociedad, no próximo sábado.

Gales. Golfe. Madrid. Por esta ordem.” Foi com esta inscrição numa bandeira do País de Gales que Gareth Bale, extremo de 30 anos, celebrou o apuramento da sua seleção para o Euro 2020, na terça-feira à noite, em Cardiff, após a vitória por 2-0 frente à Hungria.

Contratado ao Tottenham a em 2013, a relação entre o jogador e o clube tem passado por fases conturbadas, sendo provavelmente o momento presente o ponto alto dos desaguisados. O episódio da bandeira terá sido mais uma acha para a fogueira.