Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Quando Saunders contou a Steve Bruce: “Ninguém lhe disse? Assinei pelo Benfica há 20 minutos”

O treinador orientava o Sheffield United quando o avançado galês Dean Saunders deixou o clube para assinar pelo Benfica

Tribuna Expresso

Shaun Brooks

Partilhar

Nos anos 90, ainda jogava. Foi capitão do Manchester United mas, em 1998/1999, Steve Bruce decidiu iniciar uma carreira de treinador, então ao leme do Sheffield United. Esta quinta-feira, o inglês de 58 anos defronta o antigo clube, agora do lado do Newcastle. O regresso ao estádio onde tudo começou traz-lhe à memória um episódio curioso que envolve o Benfica e mostra o quão complexo o seu trabalho era na altura.

“Para dar um exemplo do quão difícil era, lembro-me de Dean Saunders vir a assobiar pelo corredor com as malas na mão uma hora antes de sairmos para o jogo com o Bristol City. O Dean disse-me: ‘Ninguém lhe disse? Assinei pelo Benfica há 20 minutos’. Não sabia nada daquilo. Não sabia a quem ligar para protestar, nunca tinha respostas”, recordou, em declarações ao “Daily Mail.

Perdido no meio da confusão, Steve Bruce chegou a ponderar desistir da carreira de treinador. “Pensei: 'Será que isto é realmente o que quero fazer? Quero colocar-me nesta situação?’ Houve uma boa proposta da Sky e pensei que a história de ser treinador tinha acabado para mim. Depois do Sheffield e do Huddersfield, tinha uma grande decisão para tomar. Finalmente, no Wigan, vi como as coisas deviam ser e desfrutei”, contou.