Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

A palestra de Mourinho que fez Casemiro acreditar que era o melhor do mundo

O médio brasileiro, que passou pelo FC Porto, por empréstimo, recordou como soube que iria fazer o primeiro jogo pelo Real Madrid

Tribuna Expresso

NurPhoto

Partilhar

Casemiro nunca esquecerá o dia 20 de abril de 2013. Foi o dia em que se estreou oficialmente pela equipa principal do Real Madrid, na altura comandada por José Mourinho. O jogo foi contra o Bétis, o Real venceu por 3-1 mas isso nem foi o mais marcante. Numa entrevista à “Líbero”, o jogador recorda.

“Mourinho dava sempre as palestras antes das refeições. No fim ele disse-me ‘vem até ao meu quarto, quero falar contigo’. Eu pensei ‘o que se passa?’. Quando entrei no quarto havia um quadro com o meu nome escrito. ‘Vês o que está aí?’, perguntou. ‘O meu nome’, respondi. E ele disse: ‘Tu vais ser titular’.”

Mourinho prosseguiu: “Conheço-te, jogas muito, és muito bom, muito tranquilo. Na primeira bola, vai com tudo. Rebenta. Os treinadores gostam de ver isso, jogadores que jogam com o coração. Nos primeiros 15 minutos dá tudo o que tiveres, faz passes longos. Conheço-te Casemiro”.

Casemiro saiu dali com o ego reforçado: “Saí do quarto e pensava que era o melhor médio defensivo do mundo. Pelo que ele me disse… e era Mourinho que estava a falar comigo. No jogo, fiz logo um passe longo para Cristiano Ronaldo e as coisas saíram melhor porque era um estilo de jogo que já conhecia. Depois do jogo, Mourinho veio falar comigo: ‘vês como te conheço? Jogaste muito bem e estás convocado para o jogo com o Dortmund’.