Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Oliver Kahn: “Tive muitas ofertas estranhas. A roupa interior, por exemplo. Isso é mais para Ronaldo”

O antigo guarda-redes da Alemanha está de regresso ao Bayern Munique, agora como administrador, e recordou alguns episódios da carreira, usando Ronaldo como termo de comparação

Tribuna Expresso

Etsuo Hara

Partilhar

Oliver Kahn foi um guarda-redes de peso no Bayern Munique e na seleção alemã. Agora, integrado no conselho de administração do clube bávaro, Kahn recorda vários episódios da sua carreira, alguns incluindo presentes pouco vulgares.

“Tive muitas ofertas estranhas, que não combinavam comigo. A roupa interior, por exemplo. Acho que isso encaixa mais em alguém como Cristiano Ronaldo,” contou, ao podcast do canal SPOX.

A carreira de Kahn nos relvados encerrou há 12 anos. Depois disso, foi comentador em televisões e jornais. Faz parte, desde janeiro, do conselho de administração do Bayern, o clube onde jogou entre 1994 e 2008.

“Desde que terminei a minha carreira, o clube evoluiu muito. O número de funcionários e de adeptos, a tendência de vendas, muita coisa aconteceu. Tudo se tornou um negócio complexo e exigente. Espero poder combinar duas vertentes: o mundo desportivo e o mundo empresarial. É importante entender o lado económico, mas o núcleo de tudo continua a ser o desporto”, fez questão de explicar.