Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Jackson Martínez e o penálti no Dragão: “Compreendo os adeptos do Benfica que pensam que me vendi ou errei propositadamente”

O ex-avançado do FC Porto, agora jogador do Portimonense, falhou um penálti no Dragão e houve logo quem o insultasse: "Não falhei de propósito e quem me conhece sabe que queria fazer golo"

Tribuna Expresso

JOSÉ COELHO/Lusa

Partilhar

Em tempos de quarentena, Jackson Martínez admitiu ao jornal "Record" que, agora, não está a conseguir "pensar em futebol", já que ainda não há data prevista de regresso à competição: "Quando chegar essa altura, cá estaremos para nos dedicarmos com motivação e empenho, mas agora o que preocupa é esta pandemia."

Contudo, instado pelo "Record" a comentar o penálti falhado no Dragão no FC Porto-Portimonense, o avançado colombiano não se esquivou. "Iria haver sempre comentários, quer a bola entrasse ou não. Vivo bem com essas situações e até compreendo os adeptos do Benfica que me enviaram mensagens e que pensam que me vendi ou que errei propositadamente, pois isso faz parte do futebol", disse Jackson.

"Não tenho de testemunhar-lhes que não falhei de propósito e quem me conhece sabe que queria fazer golo e colocar o Portimonense em vantagem", acrescentou.

O ex-avançado do FC Porto também disse que compreendia o lado emocional dos adeptos. "Sempre tive um grande respeito pelos adeptos do Benfica. E continuarei a ter. Não será por uma meia dúzia de adeptos que a essência do futebol irá mudar. A rivalidade é algo que faz parte do jogo, embora neste momento de crise humanitária isso não tenha qualquer relevância, pois estamos todos juntos na mesma luta".