Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Procura-se lugar seguro para a estátua de Ibrahimovic

A estátua do jogador sueco em Malmö foi vandalizada várias vezes depois de Ibra ter comprado parte de um clube rival. Está desde janeiro em lugar secreto, à espera de um pouso definitivo

Tribuna Expresso

TT News Agency

Partilhar

É bastante provável que a estátua de Zlatan Ibrahimovic deixe o sítio onde está, à porta do Estádio de Malmö, na Suécia, e seja colocada noutro local da mesma cidade.

A obra foi revelada ao público em outubro passado mas tem estado sob ataque desde que Ibrahimovic, que começou a carreira no Malmö FF, comprou parte do Hammarby, um clube rival de Estocolmo. A estátua foi pintada e foi-lhe cortado o nariz, antes de ser derrubada. Acabou por ser removida para ser reparada no início de janeiro e tem estado num local secreto desde então.

Anders Malmstrom, porta-voz do município, confirmou ao “The Guardian” que o executivo local está à procura de um novo local para a estátua. Na segunda-feira, uma comissão de trabalho irá propor que a estátua fique na cidade mas longe do estádio. Desconhece-se se o clube está por dentro desta intenção.

A estátua pesa 500 kg e foi criada pelo escultor Peter Linde. Mostra Ibrahimovic em tronco nu, com os braços abertos. Custou 47.000 euros a construir, com os custos de manutenção a serem pagos pela cidade.

Ibra nasceu em Malmö e chegou à equipa principal do clube da cidade em 1999, mudando-se para o Ajax em 2001. O avançado de 38 anos do AC Milan, jogou também por Juventus, Inter, Barcelona, PSG, Manchester Unites ou LA Galaxy e é o melhor marcador de sempre da seleção sueca.

Em fevereiro, o presidente da câmara de Milão, Giuseppe Sala, sugeriu que a estátua fosse mudada para Itália mas o município de Malmö rejeitou a oferta.