Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Lukas Podolski sai em defesa de Mesut Ozil: “Ele não é um idiota”

O antigo jogador do Arsenal e companheiro de seleção de Ozil diz que “todos ficam a perder” com a forma como o alemão de origem turca está a ser tratado

Tribuna Expresso

Catherine Ivill

Partilhar

Podolski saiu em defesa do amigo, compatriota e antigo companheiro de equipa no Arsenal, Mesut Ozil, insistindo que este “não é um idiota”. Ozil foi duramente criticado pela sua decisão de rejeitar um corte no ordenado devido à pandemia. O antigo internacional alemão disse: “As pessoas têm estado a tentar destruir-me há dois anos”. Podolski sente que todos ficam a perder com a situação.

“Ele é suficientemente bom para ser o principal jogador do Arsenal, com o apoio do treinador e da equipa, mas algo aconteceu ao clube,” disse Podolski ao “The Athletic”. “Ele está em desacordo com o clube? Quando falo com ele, não falamos dessas coisas. É uma situação dele, para ser resolvida por ele e pelo agente.”

“Ele é boa pessoa, não é um idiota. Não dá entrevistas a criticar os companheiros do Arsenal e é uma pena que tenhamos esta situação porque todos ficam a perder. Ozil sentado na bancada, o Arsenal a pagar-lhe e não há um vencedor,” diz Podolski.

A verdade é que Ozil não tem feito parte da equipa de Mikel Arteta desde que o futebol regressou do confinamento. O técnico insiste que a ausência do alemão se deve a razões puramente futebolísticas. Apesar de aparentemente não fazer parte dos planos do treinador espanhol, Ozil quer cumprir o resto do contrato, que expira em 2021.

Mesut Özil: “Serei eu a decidir quando vou embora e não outros. A minha posição é clara.”

O internacional alemão do Arsenal era o mais bem pago do plantel até que chegou a pandemia e as coisas descambaram. Agora, não joga pelo clube londrino e diz que só sai quando quiser mas mostra-se disponível para honrar a camisola vermelha em campo