Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

“O meu fusível estoirou”: defesa do Hamburgo interrompeu uma entrevista, subiu à bancada e confrontou um adepto da antiga equipa

Toni Leistner interrompeu uma entrevista e subiu à bancada para confrontar o adepto do clube adversário

Tribuna Expresso

Thomas Eisenhuth

Partilhar

O defesa do Hamburgo, Toni Leistner, envolveu-se em confusões com um fã do Dynamo de Dresden que estava nas bancadas do estádio. Leistner estava a ser entrevistado após a derrota por 4-1 quando, subitamente, subiu à zona dos adeptos para agressivamente confrontar o espetador.

O incidente aconteceu no estádio Rudolf Harbig, na ocasião em que, curiosamente, se registava a maior enchente de público – 10.053 – desde o confinamento devido ao novo coronavírus.

O vídeo, que se tornou viral nas redes sociais, mostra o defesa a saltar os painéis publicitários, correr na direção do adepto e empurrá-lo de forma agressiva para que ele se sentasse. Seguranças e outros adeptos rapidamente acalmaram os ânimos e afastaram o jogador dali, mas a sua raiva era ainda evidente quando regressou ao campo.

O jogador de 30 anos revelou no seu Instagram que as suas ações foram uma resposta a um comentário feito pelo fã, que não foi identificado. “Foi extremamente mal-educado para com a minha família, a minha mulher e a minha filha. Naquele momento, o meu fusível estourou, principalmente porque este era um jogo extremamente emotivo para mim,” revelou Leistner, que nasceu em Dresden e jogou pelo Dynamo entre 2010 e 2014.