Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Messi abre o jogo: “O que eu disse ou fiz, não tenham dúvidas que foi sempre a pensar no melhor para o clube"

As palavras de apaziguamento surgem dias depois de o argentino ter comentado nas redes sociais a saída de Luis Suárez dizendo que este merecia outro tipo de despedida e afirmando que “nesta altura, já nada surpreende”

Tribuna Expresso

Manu Fernandez

Partilhar

Leo Messi assegura esta quarta-feira, em declarações ao diário “Sport”, que após a intenção de abandonar o Barcelona este verão, assume os seus erros e diz que “se existiram, foram apenas para tornar o clube melhor e mais forte”. “Agora devemos concentrar-nos em fazer o melhor possível. Se, nalgum momento, algum sócio ficou magoado com o que eu disse ou fiz, não tenha dúvidas de que foi a pensar no melhor para o clube,” afirmou o capitão do Barcelona.

Messi falou também da saída de Luis Suárez para o Atlético de Madrid e do comentário que fez nesse momento no Instagram, quando se confirmou o negócio: “Merecias que se despedissem de ti como o que és: um dos jogadores mais importantes coletiva e individualmente. E que não te fizessem o que fizeram. Mas a verdade é que nesta altura já nada me surpreende”.

Sobre isso, Messi admitiu que disse o que sentia “em alguns momentos duros”. “Percebo que haja quem pense que me devia calar mas doeram-me muitas coisas nas últimas semanas e foi a minha forma de expressá-lo,” argumentou. O jogador argentino quer paz depois de um verão complicado.

“Depois de tantas desavenças, gostava de pôr um ponto final. Devemos unir todos os adeptos do Barcelona e assumir que o melhor está para vir. Esta equipa dará o melhor para conseguir as alegrias que o futebol dá aos nossos seguidores, que tanto merecem.”

A ideia do jogador argentino é pôr as diferenças de parte. “Já está, já passou, devemos concentrar-nos agora em fazer o melhor possível e em conseguir tudo o que possamos juntos. É a única forma de atingir os objetivos, sempre unidos e remando na mesma direção.”

Messi termina garantindo: “Hoje em dia, o meu compromisso com esta camisola e este emblema é total, continua intacto. Foi assim durante toda a minha carreira e isso não vai mudar”.