Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

“Está em curso uma investigação para provar a quebra de protocolo de Ronaldo", diz o Ministro da Saúde italiano

Spadafora já tinha acusado o português de se sentir “acima de tudo”, dizendo que “os campeões devem dar o exemplo. Em causa está o facto de o português ter viajado com Covid-19 para o estágio da seleção nacional

Tribuna Expresso

MÁRIO CRUZ

Partilhar

Em Itália, o diálogo à distância entre Cristiano Ronaldo e o ministro italiano do desporto continua bem aceso. Vincenzo Spadafora voltou a acusar o português de quebrar o protocolo sanitário quando viajou para a concentração da seleção nacional.

À televisão italiana RAI, Spadafora disse que Cristiano Ronaldo “não respeitou o protocolo” e confirmou que “está em curso uma investigação da procuradoria de Turim para o provar”. O governante acrescentou ainda: “Foi um episódio desagradável. O vírus ensinou-nos que ninguém está imune. É evidente que todas as pessoas tentam respeitar as regras e os protocolos, mas a única solução passa por ficar em casa”.

Lembre-se que o diálogo entre o ministro e Ronaldo já dura há alguns dias, com Spadafora a dizer: “Estes grandes campeões sentem-se acima de tudo. Quando foi para a seleção violou o protocolo. (…) Os campeões devem dar o exemplo”.