Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Maxi Pereira reclama mais de um milhão de euros do FC Porto

O antigo jogador do Benfica e do FC Porto interpôs uma ação judicial à SAD dos Dragões. De acordo com o jornal “A Bola”, o processo deu entrada ontem, quarta-feira, no Tribunal Judicial da Comarca do Porto

Tribuna Expresso

Octavio Passos

Partilhar

O diário desportivo revela que o motivo para a ação é o facto de a SAD portista não ter pago parte dos impostos descontados do ordenado de Maxi. Por causa disso, o antigo internacional uruguaio, que terminou a carreira no FC Porto, teve problemas com o fisco.

Maxi foi obrigado a pagar mais de um milhão de euros de impostos ao Estado português. O antigo futebolista entende que o pagamento dessa quantia deveria ter sido feito pelo FC Porto e quer ser indemnizado pelo clube portista em 1,24 milhões de euros.

Este é o terceiro processo judicial contra o FC Porto em poucos meses. Depois de Julen Lopetegui e da Doyen, é a vez de Maxi, que representou os Dragões entre 2015 e 2019. O uruguaio atuou em 130 jogos de azul e branco e foi campeão nacional em 2017/18.