Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Ronaldo: “Por vezes digo-lhe para dar um mergulho em água gelada para recuperar e ele diz ‘está tão fria’. Tudo bem, tem 10 anos”

Cristiano Ronaldo não pressiona o filho para ser futebolista, mesmo que a estrela da Juventus se irrite quando o seu mais velho bebe Coca-Cola e come batatas fritas de pacote. Cristiano Júnior, de 10 anos, joga na academia da Juventus mas o pai insiste que ele não é obrigado a seguir as suas pisadas

Tribuna Expresso

© / Reuters

Partilhar

A estrela que mais brilha na Juventus e na seleção nacional, apesar dos 35 anos, falou depois de ter sido considerado Jogador do Século, nos Globe Soccer Awards. A cerimónia aconteceu no Dubai, sábado à noite.

“Vamos ver se o meu filho vai ser um grande futebolista,” disse Cristiano Ronaldo, logo acrescentando: “Por vezes ele bebe Coca-Cola e come batatas fritas de pacote e isso irrita-me, ele sabe disso”. Inegável é que a criança de 10 anos segue já alguns conselhos do pai, mesmo que se trate de alguma terapia para atletas de alta competição: “Por vezes digo-lhe para dar um mergulho em água gelada para recuperar depois de uma corrida e ele diz ‘está tão fria’. Tudo bem, ele tem apenas 10 anos”.

O capitão de Portugal prossegue: “Digo-lhe sempre que é preciso trabalho e dedicação para ser bem-sucedido. Não o vou pressionar para ser futebolista mas gostaria… (…) O mais importante é que ele seja o melhor na sua área, seja ela futebol ou medicina”.

Ronaldo e a companheira Georgina Rodriguez têm também os gémeos Eva e Mateo e outra filha, Alana Martina. Cristiano Júnior é o mais velho de quatro irmãos. É de esperar que qualquer filho de Ronaldo sinta a pressão para ser o melhor. Há dois anos, o internacional português disse: “Espero que ele seja como o pai dele. Ele diz que vai ser melhor do que eu, mas penso que isso será difícil”.

Para já, na equipa de sub-9 da Juventus, Cristiano Júnior tem deixado uma impressão muito positiva. Desde que começou a jogar no clube de Turim, o filho de Ronaldo marcou 58 golos em 28 jogos e fez 18 assistências. O jornal italiano “Tuttosport” noticiou que o filho de Cristiano Ronaldo marcou quatro golos na estreia, em setembro de 2018, e sete em 45 minutos, frente ao Marítimo, em abril de 2019.