Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Bruno Fernandes faz algo que não é muito comum em Manchester: defender o Liverpool

O português espantou os adeptos e a imprensa inglesa ao elogiar os rivais históricos, dizendo que o Liverpool é “uma vítima do seu próprio sucesso”

Tribuna Expresso

Phil Noble - PA Images

Partilhar

O Manchester United defronta o Liverpool no próximo domingo, em jogo a contar para a Taça de Inglaterra. Os Reds não marcaram golos nos últimos quatro jogos e viram o recorde de 68 partidas sem derrotas ser quebrado no jogo com o Burnley. Apesar disso, Bruno Fernandes diz que os rivais não estão em baixo de forma.

“Penso que as equipas têm momentos. Não acho que o Liverpool esteja a jogar mal,” disse o português ao site oficial do Manchester United. Fernandes também expressou o seu apoio ao trio de ataque dos Reds, formado por Mohamed Salah, Sadio Mane e Roberto Firmino, que se tem mostrado com pouca eficácia.

“Quando as equipas não ganham, todos falam disso. Quando os jogadores não marcam, todos falam disso,” disse o maiato. “Eu próprio sinto isso porque a exigência é elevada. Quando cheguei marquei muitos golos e fiz muitas assistências e agora todos querem que eu faça golos e assistências.”

Bruno Fernandes sugeriu que a falta de adeptos nos estádios tem jogado contra o Liverpool, cuja “fortaleza” de Anfield perdeu força com a ausência dos adeptos fervorosos do clube que assustavam sempre as equipas visitantes. O português terminou dizendo que seria “estúpido” subestimar o Liverpool por causa dos maus resultados dos últimos tempos.