Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

"Sensacional", "talismã", "progressos": chovem elogios em Bruno Fernandes

Paul Scholes, antiga estrela dos Red Devils e um dos "Fergie's Babies" juntamente com Giggs, Beckham e os irmãos Neville, entre outros, teceu rasgados elogios ao jogador português. Bruno Fernandes foi mais uma vez decisivo na vitória que recolocou a sua equipa no segundo lugar da Premier League

Tribuna Expresso

Matthew Peters

Partilhar

Scholes comentou mais uma atuação do “sensacional” Bruno Fernandes num jogo em que o maiato fez uma assistência e marcou um golo, sendo decisivo para a vitória do Manchester United frente ao Newcastle, por 3-1. Com este resultado, os Red Devils regressaram ao segundo lugar da Premier League e à esperança de dar luta aos rivais do City na conquista do troféu.

O “Daily Mail” refere que o português teve “um jogo relativamente descansado”, aparecendo sempre que era preciso. O Newcastle de Steve Bruce, ele próprio uma lenda do Manchester United, lutou como pôde mas as suas armas são claramente mais frágeis do que as do oponente de ontem.

Sobre o português de 26 anos, o “Daily Mail” diz que se tornou “talismã” e que “transformou a sorte do clube desde que chegou do Sporting em janeiro (do ano passado), conseguindo destacar-se com as suas atuações e mantendo a equipa de Solskjaer com esperança na conquista” de um título que lhe foge desde que Alex Ferguson deixou o comando técnico dos Red Devils.

Com a contribuição de domingo, Fernandes junta-se a Harry Kane e a Thomas Muller, do Bayern, como os únicos jogadores nas cinco ligas do topo na Europa a atingir os dois dígitos no número de golos e assistências, esta época.

Paul Scholes chamou “sensacional” ao português mas não se ficou por aí. A lenda do Manchester United disse: “Definitivamente há progressos. O Ole (Solskjaer) criou uma máquina de ataque para a equipa e o Bruno Fernandes tem feito uma grande diferença”.

Comentando o jogo para a BT Sport, o antigo médio lembrou que “apenas Mo Salah tem mais golos do que ele (Fernandes) esta época. A influência que ele tem tido na equipa é sensacional. Antes da sua chegada, o United não conseguia criar muitas oportunidades ou marcar muitos golos.”

Foi o sétimo jogo da Premier League em que Bruno Fernandes marcou um golo e fez a assistência para outro, sem que qualquer outro jogador das cinco ligas mais importantes da Europa tenha conseguido fazê-lo.