Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Sociedade Bale & Kane com lucro de 4-1 frente ao Crystal Palace. Mourinho volta a sentir-se “special” e sorri para Madrid

Com Gareth Bale e Harry Kane no ataque, qualquer equipa se arrisca a golear. De Kane só se espera produto de muita qualidade e ele cumpre sempre que pode. Ontem, num dos muitos dérbis de Londres, o inglês fez a assistência para os dois golos de Bale e marcou os outros dois. Quanto a Bale, parece ter-se reencontrado. Mourinho olha para Madrid e pergunta: “Era este o Bale que procuravam?"

Tribuna Expresso

Tottenham Hotspur FC

Partilhar

Na cidade dos dérbis, ontem houve mais um, a opor o Tottenham de José Mourinho ao histórico Crystal Palace, treinado pelo veterano da Premier League, Roy Hodgson. O português voltou a sorrir com o resultado de 4-1, com a quarta vitória consecutiva, três goleadas e a certeza de ter recuperado para a alegria do futebol um certo jogador galês que andava perdido no centro de Madrid.

A jogar em casa, a equipa de Mourinho venceu e convenceu, em grande parte graças às exibições de luxo de uma sociedade que está a dar resultados. Os dois da frente, Gareth Bale e Harry Kane, deram belos presentes aos adeptos que desejaram, mais do que nunca, assistir ao jogo nas bancadas do estádio.

O jogo até esteve empatado. Gareth Bale inaugurou o marcador aos 25 minutos e Benteke empatou para o Crystal Palace aos 45 minutos. Mas a sociedade goleadora dos Spurs tinha ainda muito para dar e deu, efetivamente, um novo golo de Bale, aos 49 minutos. Ambos os golos do galês resultaram de assistências de Harry Kane que, para não ficar atrás, se encarregou de marcar os outros dois golos. Carlos Vinícius ainda entrou aos 90 minutos, sem grande hipótese de se mostrar, tanto pelo tempo em campo como pela concorrência. Com esta sociedade, o brasileiro emprestado pela Benfica, bem pode esperar sentado no banco.

O Tottenham está no quinto lugar, a dois pontos de chegar a lugares de Liga dos Campeões. No entanto, se outra equipa londrina, o West Ham, não perder com o Leeds United, os Spurs descerão para o sexto lugar.