Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Revista de Imprensa

“Se Cristiano Ronaldo foi uma contratação falhada? Claro que sim”, diz o antigo presidente da Juventus

"Sinto apreço pelo grande campeão que ele é. Mas é demasiado caro e demasiado condicionante," afirmou Giovanni Cobolli à Radio Punto Nuovo

Tribuna Expresso

Daniele Badolato - Juventus FC

Partilhar

Em Turim e um pouco por toda a Itália, ainda se fazem – e farão – sentir os efeitos da eliminação da Juventus pelo FC Porto, na Liga dos Campeões. Muitos comentaram o futuro da equipa que parece estar a terminar um ciclo de muitas e grandes vitórias. Entre os críticos mais duros está o antigo presidente da Juventus, Giovanni Cobolli. Sobretudo com Cristiano Ronaldo.

Cobolli começa logo por dizer que considera que a Juve não devia ter contratado o português. “Se Cristiano Ronaldo foi uma compra falhada? Claro que sim! Eu disse-o desde o primeiro dia, mostrando o meu apreço pelo grande campeão que é, mas é demasiado caro e demasiado condicionante. É a Juventus que tem de vender ou não vender Ronaldo, mas ele vale um milhão por golo.”

Quanto ao facto de Pirlo ser o treinador da equipa, Cobolli considera que o atual presidente “arriscou”. “Não sou crítico de Pirlo, eu também tive essa experiência com Ferrara,” disse o antigo dirigente. Quanto ao checo Nedved, antigo jogador da Juve e atual vice-presidente do clube, Cobolli não tem papas na língua: “Conhecia-o como um grande campeão mas não tem a capacidade de ser vice-presidente da Juventus. O seu papel devia ser repensado”.