Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Revista de Imprensa

Patrão da Fórmula 1 quer mudar a pista do Mónaco para tornar a corrida "menos aborrecida"

Ross Brawn considera que o lendário circuito precisa de mudanças que proporcionem mais diversão aos pilotos e aos espetadores. Para concretizar o seu plano, Brawn quer redesenhar a pista e dar-lhe mais pontos de ultrapassagem. Lewis Hamilton tem sido um dos mais críticos do circuito icónico mas "pouco divertido"

Tribuna Expresso

Bryn Lennon

Partilhar

O líder da Fórmula 1 – da organização, não do campeonato – Ross Brawn diz que o circuito do Grande Prémio do Mónaco precisa de ser redesenhado para acabar com a verdadeira “procissão” na corrida mais glamorosa do mundo. A ausência de pontos de ultrapassagem é a crítica mais vezes repetida e está relacionada com o facto de os carros serem consideravelmente mais largos do que nos primórdios da competição.

Depois da vitória de Max Verstappen no último domingo, Brawn afirmou: “É o Mónaco, já analisámos a pista e vamos continuar a tentar. É um evento brilhante com imensa história, grande ambiente e uma corrida que todos querem ganhar, mas todos conhecemos as limitações da pista. As pessoas dizem que devemos começar por mudar a estratégia dos pneus, mas as equipas adaptam-se”.

Brawn prosseguiu: “Não será a primeira vez que alguém tenta fazer alterações e não chegámos a lado nenhum até agora, mas temos as ferramentas como, por exemplo, o simulador, e os nossos profissionais verão com certeza se há algo que possamos fazer”.

Os planos de Brawn poderão esbarrar no conservadorismo reconhecido do Automobile Clube de Monaco, entidade que gere a pista. Já Lewis Hamilton, que terminou o Grande Prémio deste ano em sétimo, afirmou: “Fiquei feliz quando a corrida terminou porque foi a mais longa de sempre”.

“Tenho dito muitas vezes que não interessa a posição em que estás, esta pista não é divertida porque não vês nenhuma ultrapassagem. É ótimo quando ganhas, mas mesmo quando lideras é aborrecida. Tenho a certeza de que o Max (Verstappen) teve uma tarde relaxada,” disse Hamilton.