Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Revista de Imprensa

Villas-Boas era o preferido do presidente para treinar a Lazio mas rejeitou o convite

De acordo com o jornal "Record", o antigo treinador do Marselha terá recusado a proposta de Claudio Lotito, presidente da Lazio. Caso tivesse aceitado, o dérbi de Roma oporia Mourinho a Villas-Boas. A Lazio já está à procura de alternativas ao portuense

Tribuna Expresso

Daniel Cole

Partilhar

De acordo com o jornal “Record”, André Villas-Boas era a primeira opção do presidente da Lazio, Claudio Lotito para substituir Simone Inzaghi como treinador da equipa romana. Isto apesar de Sérgio Conceição, antigo jogador do clube, ter chegado a ser apontado como hipótese.

André Villas-Boas, de 43 anos, terá rejeitado o convite. Não foram divulgadas as razões apontadas para a recusa do ex-treinador do Marselha.

De acordo com o “Corriere dello Sport”, depois da nega, a Lazio virou-se para Maurizio Sarri. Treinador e clube já entraram em diálogo e o presidente da equipa romana terá mesmo telefonado a Sarri para lhe explicar o projeto. O contrato de Sarri será, segundo o jornal italiano, por duas temporadas.