Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Óscar Tabárez, selecionador uruguaio, considera Sebastián Coates "um símbolo nacional"

Óscar Tabárez, veterano treinador de 74 anos e selecionador do Uruguai falou ao jornal "A Bola" sobre o capitão do Sporting. Tabárez não podia ter sido mais claro, elogiando a "maneira de ser, (...) o comportamento (...) e o profissionalismo" do defesa dos Leões

Tribuna Expresso

Quality Sport Images

Partilhar

Apesar dos muitos anos de verde e branco, com a conquista do título, o uruguaio Sebastián Coates ganhou outra visibilidade, ajudada pela braçadeira de capitão que enverga. O jogador de 30 anos foi importante no percurso vitorioso do Sporting e o próprio selecionador do Uruguai, Óscar Tabárez, reconhece essa relevância.

O jornal “A Bola” conseguiu falar com Tabárez numa conferência de imprensa. O técnico reconheceu que conhece Coates “há muito tempo, desde que jogava nos sub17”. O selecionador lembrou que o defesa central jogava inicialmente como médio.

Nas palavras do respeitado treinador, “Coates é um símbolo nacional, pelo passado nas seleções jovens e principal, mas ainda mais pela sua maneira de ser, pelo seu comportamento, pelo seu profissionalismo”.