Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Revista de Imprensa

Rúben Amorim: “Claro que estou preparado para perder jogadores. Contratámos mais para a equipa B do que para a principal”

O Sporting venceu o Lyon por 3-2 naquele que foi o último teste antes de defrontar o Braga, na Supertaça (sábado). No final, Rúben Amorim mostrou-se calmo em relação à inevitabilidade de alguns jogadores rumarem a outras paragens. "Chegámos a um ponto em que, para substituir os nossos jogadores, temos de pagar mais. Por isso, temos de criá-los," admitiu o técnico

Tribuna Expresso

Gualter Fatia/Getty

Partilhar

Os campeões nacionais despediram-se dos jogos de pré-época com uma vitória por 3-2 sobre o Lyon. Segue-se a Supertaça, em que os Leões vão medir forças com o Sporting de Braga. É já no próximo sábado, dia 31, mas Rúben Amorim mostra a habitual tranquilidade.

No fim do jogo com os franceses, o jovem técnico abordou a possibilidade de vir a perder alguns dos jogadores vitais para a conquista do campeonato: “Claro que estou preparado para perder jogadores, faz parte do processo”. A solução passa pelo desenvolvimento de jovens jogadores: “Contratámos mais para a equipa B do que para a equipa principal. Chegámos a um ponto em que, para substituir os nossos jogadores, temos de pagar mais. Por isso, temos de criá-los,” admitiu.

De acordo com o técnico, a pré-época foi positiva. Amorim referiu mais uma vez os jovens do clube: “Os miúdos estão a crescer bem, o clube está a trabalhar bem”. O treinador que levou o Sporting ao título nacional destacou “o esforço para não vender logo os miúdos” e alertou para a possibilidade de as coisas mudarem repentinamente: “É trabalhar porque isto pode mudar de um momento para o outro”.