Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Revista de Imprensa

Paul Scholes: “Pogba continuará a fazer coisas estúpidas quando tiver 35 anos. Precisa de pessoas experientes a tomar conta dele”

Scholes, um dos "miúdos" de Sir Alex Ferguson, agora comentador, não poupa nas críticas ao internacional francês, acusando-o de ser infantil e, por isso, precisar "de um babysitter". Também Rio Ferdinand criticou Pogba, pedindo a Cristiano Ronaldo que "tome conta" do colega

Tribuna Expresso

MARCO BERTORELLO/Getty

Partilhar

O antigo médio do Manchester United e atual comentador da "BT Sport" voltou a criticar Paul Pogba por andar a “passear com as fadas”, ou seja, a alhear-se do jogo. Isto depois do empate 2-2 da equipa em Bérgamo, no estádio da Atalanta, para a Liga dos Campeões.

Segundo o “Daily Mail”, o internacional francês sentiu muitas dificuldades durante todo o jogo e acabou por ser substituído por Nemanja Matic. Scholes não poupou nas críticas à atuação de Pogba, dizendo inclusive que este “continuará a fazer coisas estúpidas quando tiver 35 anos”. “Pogba precisa de alguém com ele o tempo todo. Alguém que ele respeite. Ele precisa de pessoas experientes atrás dele,” disse o antigo médio.

“Quanto anos é que ele tem? 28? É um jogador extremamente experiente. Mas é um daqueles que, aos 35, vai ser exatamente a mesma coisa,” repetiu Scholes, acrescentando com ironia que o francês “faz a bola rolar e deixa as pessoas à espera para mostrar o quão forte e talentoso é”.

O antigo internacional inglês lembrou a passagem de Pogba pela Juventus, “onde foi brilhante”. Essa época foi, aliás, motivo para que o Manchester United abrisse os cordões à bolsa e o fosse buscar a Itália. “A experiência à volta dele: Pirlo, Chiellini, Bonucci, Buffon, um treinador agressivo. Ele vai precisar desse tratamento até aos 35,” insistiu Paul Scholes.

Também Rio Ferdinand juntou a sua voz à do antigo companheiro de equipa. O ex-defesa acusou o francês de “não parecer tão motivado quando joga pelo red devils como quando atua pelo seu país”. “Paul concordaria que não tem atuado ao nível que se esperava dele com a camisola do Manchester United,” acrescentou Ferdinand.

Rio considera Cristiano Ronaldo a pessoa mais indicada para encaminhar o francês. “Não consigo pensar em ninguém para além do Cristiano que possa ‘tomar conta’ do Paul,” disse o antigo defesa central.