Tribuna Expresso

Perfil

Ronaldo

As lágrimas de Cristiano Ronaldo ao ver imagens inéditas do pai: "Tornei-me no número um, mas ele não viu nada"

Durante uma entrevista ao canal britânico ITV, o capitão da Seleção Nacional foi confrontado com imagens inéditas de José Dinis Aveiro, falecido em 2005, em que este elogia o filho. Sem conseguir conter as lágrimas, Cristiano Ronaldo revela que o entristece que o pai não tenha assistido à sua caminhada até se tornar num dos melhores do Mundo

Tribuna Expresso

Partilhar

Cristiano Ronaldo concedeu uma entrevista intimista ao jornalista britânico Piers Morgan, para o canal de televisão ITV, que revelou alguns momentos da conversa que será transmitida na íntegra na terça-feira.

Nas imagens disponibilizadas pelo canal, o capitão da Seleção Nacional aparece em lágrimas depois de ver um depoimento inédito do pai, José Dinis Aveiro, falecido em 2005, em que deixa elogios ao filho. Palavras que o português desconhecia até ao dia da entrevista.

"A minha tristeza vem do facto de ser o número e não ter visto nada. Não me vê a receber prémios, não vê o quão bom eu me tornei. A minha família vê, a minha mãe, os meus irmãos, até o meu filho mais velho viu. Mas o meu pai não viu nada", diz Cristiano Ronaldo, visivelmente emocionado.

Na entrevista, Cristiano Ronaldo aborda ainda o ano de 2018, que o próprio já admitiu ter sido um dos piores da sua vida a nível pessoal, devido ao caso de alegada violação em que foi acusado pela norte-americana Kathryn Mayorga.