Tribuna Expresso

Perfil

Portugal

Raphaël e o jogo com a França: “Ganhámos o Europeu em Paris, mas também vai ser especial porque nasci na zona perto do estádio”

Portugal defronta no domingo a França, naquele que será o regresso dos campeões europeus ao Stade de France, palco do histórico triunfo de 2016, num embate entre os dois primeiros classificados do Grupo 3

Lusa

TF-Images

Partilhar

O lateral Raphael Guerreiro afirmou hoje que Portugal tem de fazer no domingo uma “grande partida” no Stade de France, para conseguir vencer a França, na terceira jornada do Grupo 3 da Liga das Nações de futebol.

“Temos uma mentalidade vencedora. Queremos ganhar todos os jogos, principalmente contra grandes adversários. Vai ser um jogo difícil, mas todos os jogadores gostam deste tipo de jogos. Temos que estar concentrados e fazer uma grande partida para ganhar”, afirmou Raphael Guerreiro.

Em declarações divulgadas no sítio oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) na Internet, o lateral, de 26 anos, confessou que será especial regressar ao palco da final do Euro2016, em que Portugal se sagrou campeão europeu, numa equipa da qual fazia parte o atual jogador do Borussia Dortmund.

“Ganhámos o Europeu em França, mas vai ser um jogo diferente dessa final, há jogadores diferentes. Também vai ser especial porque nasci na zona perto do estádio [nos arredores de Paris]”, disse.

Para Guerreiro, que tem 42 jogos e dois golos pela seleção das ‘quinas’, Portugal terá de ter cuidado com os “grandes avançados” da equipa francesa e aproveitar as oportunidades de golo que irá criar.

“Defensivamente, vamos ter de fazer uma grande partida. A França tem grandes jogadores na frente. E, depois, tentar fazer um golo para ganhar o jogo”, referiu.

Portugal começou hoje a preparar o duelo de domingo com os rivais gauleses, num treino em que o selecionador Fernando Santos contou com todos os 26 jogadores convocados, de acordo com as informações divulgadas pela FPF.

Numa sessão que, na Cidade do Futebol, em Oeiras, foi totalmente fechada aos jornalistas, como medida de prevenção adotada pela FPF durante a pandemia da covid-19, os jogadores alternaram entre trabalho de recuperação e treino completo.

Na sexta-feira, os campeões europeus voltam a treinar na Cidade do Futebol, às 10:30, e viajam para Paris durante a tarde.

Portugal defronta no domingo a França, naquele que será o regresso dos campeões europeus ao Stade de France, palco do histórico triunfo de 2016, num embate entre os dois primeiros classificados do Grupo 3.

No agrupamento da Liga A, lusos e franceses somam seis pontos, com a formação das ‘quinas’ a ter vantagem na diferença de golos, enquanto Suécia e Croácia seguem com zero.

A equipa de Fernando Santos iniciou a janela de jogos de outubro na quarta-feira, com um empate a zero frente à Espanha, num Estádio José Alvalade, em Lisboa, que teve direito a 2500 adeptos nas bancadas.