Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Portugal

Francisco Neto e o play-off de Portugal: "Esperamos voltar a festejar como festejámos na Roménia"

Na antevisão do Portugal-Rússia (sexta-feira, 18h30, Canal 11), jogo da 1.ª mão do play-off de apuramento para o Euro 2022, o selecionador assumiu que as russas são praticamente desconhecidas mas que as portuguesas querem "o cenário perfeito", ou seja, "ganhar sem sofrer golos"

tribuna expresso

FPF

Partilhar

Em 2017, a seleção feminina disputou pela primeira vez um Europeu, depois de se ter qualificado no play-off, na altura, frente à Roménia. Quatro anos depois, Portugal está novamente à beira de um Euro, através do play-off, mas tem agora a desconhecida Rússia pela frente, uma seleção que integrou um treinador novo em dezembro.

“Temos alguma perspetiva do padrão que a Rússia poderá apresentar, mas também não gostamos de fazer futurologia. Mais do que nunca, temos de nos focar em nós, na nossa organização e maneira de jogar, pois é isso que controlamos”, disse Francisco Neto na antevisão do jogo, citado pela Federação Portuguesa de Futebol.

“Temos trabalhado bem. Estamos focados no objetivo de tentar potenciar as jogadoras e em não perder a nossa forma de estar nem a organização que temos vindo a demonstrar. Independentemente das jogadoras que estiverem à nossa disposição, teremos de 'ser Portugal’ e estar ao mais alto nível amanhã [sexta-feira]”, afirmou o Selecionador Nacional, em conferência de imprensa, desdramatizando a ausência de jogadoras que constavam inicialmente da convocatória, como Vanessa Marques, Jéssica Silva e Diana Silva, que não viajaram para Portugal devido às restrições aéreas.

Francisco Neto adianta que “a grande prioridade é tentar ganhar” mas acrescenta que “ganhar sem sofrer golos é o cenário perfeito”, para assegurar vantagem no play-off, numa 1.ª mão que repete a qualificação de 2016, quando Portugal recebeu a Roménia também no Estádio do Restelo.

“Lisboa é sempre uma opção viável, tem o aeroporto perto e temos tido boas condições de trabalho. Somos sempre bem recebidos aqui, também pela disponibilidade do clube [Belenenses] em abdicar do estádio. Esperemos que seja uma coincidência feliz e que possamos, na terça-feira, voltar a festejar como festejámos na Roménia”, acrescentou à FPF.

2.ª mão já na próxima semana

O primeiro jogo entre Portugal (30.º do ‘ranking’ FIFA) e Rússia (23.ª) disputa-se na sexta-feira, a partir das 18:30, no Estádio do Restelo, com arbitragem da suíça Esther Staubli.

A seleção feminina luta pela segunda presença na fase final do Campeonato da Europa, após a participação inédita no Euro 2017, nos Países Baixos. Esta é a quarta vez que a equipa chega a um ‘play-off’ de acesso à fase final, sendo que em 2016 conseguiu a qualificação histórica, ao ultrapassar a Roménia, com empates 0-0, em Portugal, e 1-1, fora.

A segunda mão do 'play-off', recorde-se, vai decorrer na terça-feira, 13 de abril, na Sapsan Arena, em Moscovo, às 15h00 (hora de Lisboa).

A fase final do Europeu de 2022 realiza-se em Inglaterra, entre os dias 6 e 31 de julho, e, além da seleção anfitriã, já se qualificaram Países Baixos, Dinamarca, Noruega, Espanha, Finlândia, Suécia, França, Bélgica, Alemanha, Islândia, Áustria e Itália.