Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Jaime Marta Soares: Conselho Diretivo impediu a validação das assinaturas para a AG de destituição

Em comunicado, o Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting garante ter “um requerimento para a deliberação da revogação do mandato dos membros do actual Conselho Directivo do Sporting Clube de Portugal, com assinaturas representativas de mais de três mil votos”

Pedro Candeias

Jaime Marta Soares preside à mesa da assembleia geral do Sporting desde 2013

António Pedro Ferreira

Partilhar

Em comunicado a que a Tribuna Expresso teve acesso, Jaime Marta Soares, presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting, reforça que já reuniu as assinaturas “representativas de mais de três mil votos” necessárias para o “requerimento da revogação do mandato” da direção liderada por Bruno de Carvalho.

Mas, contrariando a informação do presidente do Sporting que, na segunda-feira, em conferência de imprensa (ler AQUI), disse não ter recebido as tais assinaturas, Jaime Marta Soares reforça que “já foi feita uma tentativa de validação” das mesmas, tendo os serviços do Clube sido impedidos “pelo Conselho Diretivo”.

Marta Soares, no mesmo documento, desafia, também, a direção a dar “indicações aos serviços do Clube para colaborarem nesse sentido.” “A validação das assinaturas cabe exclusivamente ao Presidente da Mesa da Assembleia Geral” e a Assembleia Geral de “23 de junho (a única atualmente convocada de forma legítima, legal e estatutária) irá decorrer conforme previsto no Altice Arena, pelas 14:00”.