Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Eleições no Sporting: só as listas de Varandas e Ricciardi são elegíveis

O Sporting anunciou esta sexta-feira que a lista de Bruno de Carvalho não poderá concorrer às eleições de 8 de setembro, sendo apenas elegíveis as de Frederico Varandas e José Maria Ricciardi

Expresso

NUNO FOX

Partilhar

Só são válidas às eleições de 8 de setembro no Sporting as candidaturas de Frederico Varandas e de José Maria Ricciardi. As restantes foram consideradas elegíveis, anunciou o Sporting numa nota publicada no seu site. A de Bruno de Carvalho, ex-presidente dos leões, foi rejeitada e as restantes cinco têm irregularidades.

Segundo se lê no comunicado da presidente da mesa da assembleia geral, as candidaturas apresentadas por João Benedito, Pedro Madeira Rodrigues, Fernando Tavares Pereira, Eugénio Dias Ferreira, e Rui Jorge Rego “padecem de irregularidades formais”, que podem ser retificadas num prazo máximo de 48 horas e, assim, ir a eleições.

Aqui está o comunicado na íntegra:

Sobre as candidaturas às eleições de 8 de Setembro

Ao dia de hoje, 10/08/2018, pelas 22h30, foram devidamente verificadas como elegíveis para o ato eleitoral do próximo dia 08/09/2018 as candidaturas do Dr. Frederico Varandas (“UNIR O SPORTING”) e do Dr. José Maria Ricciardi (“A SOLUÇÃO PARA 9 DE SETEMBRO”).

As candidaturas apresentadas pelo Dr. Pedro Madeira Rodrigues (“O GRANDE SPORTING”), Dr. João Benedito (“RAÇA E FUTURO”), Dr. Eugénio Dias Ferreira (“PELO TEU AMOR”), Sr. Fernando Tavares Pereira (“UNIDOS VENCEREMOS”) e Dr. Rui Jorge Rego (“PROJECTO E FUTURO”) padecem de irregularidades formais que carecem ser retificadas num prazo máximo de 48 horas por forma a que possam ser consideradas.

Por último, a candidatura apresentada pelo Dr. Bruno de Carvalho (“FEITOS DE HONRA, LEAIS AO SPORTING”) foi rejeitada.

O Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal,

O Comendador Jaime Marta Soares