Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Uma curta e dura flash de Bruno Fernandes: “Não há explicação. Faltou personalidade e agressividade”

O influente médio do Sporting, que assistiu Wendel para o único golo dos leões na derrota por 3-1 com o Gil, foi crítico no final do jogo aos microfones da SportTV

Tribuna Expresso

NurPhoto

Partilhar

“Faltou personalidade e faltou atitude. Não estivemos no jogo. Deixámos que o Gil Vicente fosse sempre mais agressivo do que nós e eles conseguiram chegar primeiro às segundas bolas, às primeiras, criando mesmo mais oportunidades do que nós, o que é impensável. O problema da equipa foi começar a segunda-parte como começou a primeira, sem agressividade, sem intensidade, deixando que o Gil chegasse primeiro à bola, fazendo com que o nosso jogo se tornasse mais difícil. Não há explicação. Agora é fazer a análise do jogo, que foi mau e pensar já no próximo”.

  • Sem espaço, sem ideias, sem soluções, sem jogadores, sem pontos, sempre Sporting

    Sporting

    Silas, que assume ser um treinador criativo, com um gosto particular para testar modelos e estratégias e sistemas diferentes em diferentes jogos, acabou engolido pelo antiquíssimo defender bem para contra-atacar melhor à portuguesa. Ficou 3-1 para o Gil Vicente - e o Sporting ficou a 13 pontos do Benfica no primeiro dia de dezembro. Faltam seis meses para o fim de 2019-20