Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Silas: "Não estou aqui a olhar para lenços brancos, nem os vi. Não ligo a isso. Tenho capacidade para estar aqui"

O treinador do Sporting defendeu, após a derrota (2-1) frente ao Braga, nas meias-finais da Taça da Liga, que houve um antes e um depois do cartão vermelho de Bolasie, porque "se acabasse 11 para 11" a equipa podia "ter discutido o resultado"

Tribuna Expresso

Quality Sport Images

Partilhar

A análise ao jogo

"A leitura ao jogo é fácil. O jogo estava equilibrado. Houve um ligeiro ascendente do Braga na primeira parte, fizemos uma alteração e o jogo estava equilibrado. Depois dos 60 minutos desequilibrou-se. Entrámos bem na segunda parte, depois da expulsão o jogo é outro. Tentámos defender com uma linha de cinco e mesmo assim o Braga consegue chegar ao golo numa segunda bola. Acaba por ser pesado."

A expulsão de Bolasie

"A expulsão acabou por pesar muito, uma expulsão que na minha opinião não faz sentido. O jogador escorrega e depois consegue chegar à bola, quanto muito aceito um amarelo. Não podemos ver frame a frame, temos de ver tudo. O jogador vem de uma escorregadela, não percebo como o VAR não vê uma escorregadela. Amarelo ainda admitida."

E agora?

"Depois do resultado e nos próximos dias é sempre difícil digerir. Temos outros objetivos, temos já o jogo com o Marítimo que temos de preparar. É verdade que era nosso objetivo estar na final, mas não conseguimos dadas as incidências do jogo. Se acabasse onze para onze podíamos discutir o resultado. Estávamos a melhorar após o Braga ter entrado melhor."

Houve lenços brancos nas bancadas

"Não estou aqui para olhar para os lenços brancos, nem os vi. Não ligo a isso, sei a minha capacidade, tenho capacidade para estar aqui. Mas também sei que os resultados é que mandam, se não ganharmos serão cada vez mais. Mas sei da minha capacidade e, com lenços ou sem lenços, o meu trabalho é sempre o mesmo."

O momento do Sporting

"Há sempre uma intranquilidade maior. Temos de saber viver com este momento de uma maneira ou de outra, olhar para a frente para conseguir resultados. Temos de nos focar no que controlamos, que é nos treinos e jogos."