Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Rafael Leão condenado a indemnizar o Sporting em €16,5 milhões (e o Sporting a pagar €40 mil a Rafael Leão)

A decisão do Tribunal Arbitral do Desporto está relacionada com a rescisão unilateral de contrato do jogador, na sequência da invasão a Alcochete

Pedro Candeias

Partilhar

Rafael Leão foi condenado pelo Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) a pagar 16,5 milhões de euros ao Sporting, no âmbito do processo da rescisão de contrato unilateral, no seguimento da invasão a Alcochete. A informação foi enviada pelos leões à CMVM.

O Sporting apresentara uma queixa à FIFA contra o futebolista, que agora joga no AC Milan, e o Lille, o clube francês que o contratara em primeiro lugar - os franceses não sofreram qualquer castigo. Na altura, o Sporting exigiu 45 milhões de euros, mas o TAD baixou o valor para 16,5 milhões de euros, o valor de mercado de Rafael Leão em 2018. Que, por seu turno, será indemnizado em 40 mil euros, porque o Sporting foi condenado por assédio moral; uma vez mais, o TAD também decidiu cortar no montante exigido, pois Leão pedira originalmente 100 mil euros.

Leia o comunicado que o Sporting enviou à CMVM na íntegra:

"A SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD (adiante Sporting SAD) informa, nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º-A do Código dos Valores Mobiliários, que foi notificada da decisão proferida pelo Tribunal Arbitral do Desporto no âmbito da acção movida pelo jogador Rafael Leão, a qual julga a ação parcialmente procedente, condenando a Sporting SAD a pagar ao jogador, a título de indemnização pela prática de assédio moral, a quantia de € 40.000,00 (quarenta mil euros), bem como julga a reconvenção parcialmente procedente, condenando o jogador a pagar à Sporting SAD a quantia de € 16.500.000,00 (dezasseis milhões e quinhentos mil euros), a título de indemnização por cessação ilícita do contrato de trabalho desportivo. Lisboa, 19 de Março de 2020 O Representante das Relações com o Mercado"