Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Sporting reage ao desfecho do caso da invasão à Academia: "Sporting sempre, Alcochete nunca mais!

O clube de Alvalade reagiu ao encerramento do caso que tinha 44 arguidos, entre eles o ex-presidente Bruno de Carvalho, que foi absolvido em todos os crimes

Tribuna Expresso

MÁRIO CRUZ

Partilhar

Conhecido o desfecho do caso da invasão à Academia de Alcochete, o Sporting pediu, em comunicado, "à sociedade e ao estado português para que não se voltem a repetir momentos como este", que "marcaram indelevelmente" o clube e tiveram "consequências muito nefastas para todos".

A direção liderada por Frederico Varandas ressalva que a invasão foi "o dia mais negro da história" do clube e que "é importante que todo o mundo do desporto se una para que estes acontecimentos não voltem a repetir-se."

O comunicado não endereça a absolvição de Bruno de Carvalho, ex-presidente do clube, que foi entretanto expulso de sócio.

Nove dos arguidos pela invasão à Academia do Sporting, em Alcochete, foram hoje condenados a prisão efetiva e 29 a penas suspensas, por crimes de ameaça agravada e ofensa à integridade física.

Na leitura do acórdão, que decorreu no tribunal de Monsanto, em Lisboa, o coletivo de juízes, presidido por Sílvia Pires, absolveu todos os arguidos do crime de sequestro e terrorismo, uma vez que tinham um alvo definido, sem interferirem com a paz pública.

O antigo presidente do Sporting Bruno de Carvalho foi absolvido da autoria moral da invasão à Academia do clube, em Alcochete, em 15 de maio de 2018, tal como o líder da claque Juventude Leonina, Nuno Mendes, conhecido por Mustafá, e o ex-Oficial de Ligação aos Adeptos (OLA) do clube Bruno Jacinto.

O comunicado do Sporting na íntegra

"Numa altura em que chega ao fim o processo de invasão à Academia Sporting, em Alcochete, o Sporting Clube de Portugal apela à Sociedade e ao Estado Português para que não se voltem a repetir momentos como este, que em nada dignificam o Desporto em geral e o Futebol em particular.

Estes acontecimentos marcaram indelevelmente o Sporting CP e os Sportinguistas, trazendo consequências muito nefastas para todos, que chocaram o Mundo.

O Desporto é e deve ser cada vez mais um espaço saudável e não de violência gratuita e criminalidade.

Passados dois anos desde o dia mais negro da História do Sporting Clube de Portugal, o Clube vai continuar a lutar pelos seus valores e continuar a fazer eco, junto das entidades competentes, acerca da importância de erradicar este tipo de comportamentos.

É importante que todo o mundo do Desporto se una para que estes acontecimentos não voltem a repetir-se.

Sporting sempre, Alcochete nunca mais!"

Bruno de Carvalho: "Foi um crime violentíssimo perpetrado sobre mim, um assassinato de caráter. Posso sair do meu confinamento de dois anos"

As declarações do ex-presidente do Sporting à saída do Tribunal de Monsanto, depois de ter sido absolvido de todas as acusações no caso da invasão à Academia de Alcochete