Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Rúben Amorim prefere que FC Porto não seja campeão já: "Seria importante ter de empatar ou ganhar ao Sporting"

O treinador garantiu que lhe "é indiferente" o clube que acabe por conquistar o título, mas gostaria que a equipa de Sérgio Conceição não se sagrasse campeã esta terça-feira, pois assim "estará mais um fator em jogo" que contribuiria "para o crescimento da equipa"

Tribuna Expresso

TIAGO PETINGA/LUSA

Partilhar

Seria bom defrontar um FC Porto já campeão?

"Podemos ver pelos dois lados. Pode haver esse libertar da pressão, mas também os jogadores do FC Porto podem sentir-se mais soltos, quererem celebrar e festejar em campo. Para mim, volto a dizer que seria importante o FC Porto não ser campeão hoje, ter de empatar ou ganhar ao Sporting.

É isso que quero porque foco-me no crescimento da minha equipa. O Sporting não pode ser campeão, para mim é indiferente quem for. Eu quero é que estejam todos os fatores no jogo e, portanto, se o FC Porto não for campeão hoje [terça-feira], estará mais um fator no jogo, que vai ao encontro do que tenho vindo a dizer.

É mais um [teste], contra uma equipa forte. O Quaresma e o Matheus Nunes, por exemplo, ainda não jogaram estes jogos e vão ter dificuldades que não tiveram até aqui, mas quem está no Sporting tem testes todos os dias."

Ganhar o clássico pode ser um prémio de consolação?

"São três pontos e o importante é que manter esse objetivo, manter a nossa posição e tentar melhorar. O Sporting não pode ter como consolação de uma época em ganhar a um rival seja em que jogo for. Não estamos aqui para impedir que o FC Porto seja campeão, mas para vencermos os nossos jogos e atingir os nosso objetivos.

Não é consolação nenhuma, mas queremos vencer. Mais do que vencer, é ver comportamento da equipa e dos nossos jogadores. Não só o resultado ou os nossos objetivos, mas perceber em que ponto estão os nossos jogadores".

Será a terceira vez que defronta o FC Porto esta época

"Não vejo muitas diferenças. Vejo uma equipa sempre competitiva, com várias soluções, que pode jogar em 4-4-2 ou 4-3-3, está preparada para tudo. Pensar nesse jogo para a Taça da Liga e agora, passados uns meses, ver que está a um ponto do título, revela muito sobre o treinador, o clube e o espírito da equipa. Queremos vencer, estamos numa boa fase, e precisamos deste jogo para crescer. Estou certo de que vai ser um grande jogo e que o Sporting vai fazer um grande jogo."

Ganhou ambos os jogos anteriores

"Lembro-me que num dos jogos o FC Porto falhou dois penáltis, no outro ganhámos aos 95'. Não vejo isso dessa forma. O que o mister tem são títulos, e é isso que eu ambiciono para mim.

O mister Conceição já foi campeão e está a um ponto de ser novamente. Tem muito mais anos do que eu. Penso que bateu o recorde de pontos do Olhanense, esteve numa final da Taça de Portugal [pelo Sp. Braga]. Não tenho ascendente, pelo contrário. Ele é que tem mostrado mais conteúdo."