Tribuna Expresso

Perfil

Surf

Frederico Morais fora do circuito mundial de surf em 2019

Português ficou-se pela segunda ronda da prova final do Mundial de surf e com isso deverá cair para o 23º lugar do ranking mundial. E só os primeiros 22 se aguentam

Expresso

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Partilhar

O português Frederico Morais não conseguirá a manutenção no circuito mundial de surf em 2019, depois de ter sido eliminado na segunda ronda da prova final que está a decorrer no Havai.

'Kikas' foi eliminado na segunda ronda do Billabong Pipe Masters, que ainda decorre, e viu dois dos seus principais opositores na luta pela qualificação, o francês Joan Duru e o brasileiro Yago Dora, continuarem em prova. Duru e Dora já se encontram qualificados para a quarta ronda da prova, e com os pontos somados, ultrapassam Frederico Morais na classificação do mundial.

Antes desta última prova do circuito mundial, Frederico Morais encontrava-se na 21ª posição do ranking. E no final do ano apuram-se os 22 primeiros para o circuito do ano seguinte.

Frederico caiu assim novamente para o circuito de qualificação, onde há dois anos garantiu a subida ao grupo de elite do surf mundial.

Com a saída do circuito, Portugal fica novamente sem qualquer representante entre as três dezenas de surfistas que compõem o circuito mundial de surf.

As maiores esperanças do país em busca da qualificação na próxima temporada são Kikas e Vasco Ribeiro.