Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Ténis

Um dia, isto iria acontecer: ATP suspende o “mal-comportado” Kyrgios

A medida tem caráter probatório

Julian Finney

Partilhar

O tenista australiano Nick Kyrgios está suspenso por 16 semanas devido a "mau comportamento" nos 'courts', no último ano. O castigo ao tenista, juntamente com uma multa de 25.000 euros, tem um período probatório de quatro meses, "a contarem na segunda-feira seguinte à aceitação dos termos da pena", segundo refere a ATP.

A decisão surge após o inquérito conduzido pelo vice-presidente Gayle David Bradshaw, o qual concluiu que o australiano infrigiu o código dos jogadores no circuito ATP.

"O inquérito encontrou um padrão de comportamento em ofensas verbais de Kyrgios dirigidas a oficiais ou aos espetadores nos últimos 12 meses", refere a conclusão.

No último mês, o jogador, de 24 anos, foi multado em 113 mil dólares (cerca de 103 mil euros) por comportamento incorreto no Masters de Cincinnati, onde foi eliminado na segunda ronda.

Na decisão de hoje, Kyrgios terá ainda que recorrer a apoio psicológico nos torneios, sendo igualmente necessário que tenha "ajuda profissional especializada em comportamento" durante a paragem competitiva no ténis, entre novembro e dezembro.