Tribuna Expresso

Perfil

Ténis

Tenista Nikoloz Basilashvili acusado de violência doméstica

O tenista da Geórgia foi detido depois de "ter agredido a sua ex-mulher, na presença de um menor de idade"

lusa

Ciro De Luca

Partilhar

O tenista georgiano Nikoloz Basilashvili, 27.º colocado do 'ranking' ATP, está acusado de um crime de violência doméstica sobre a ex-mulher, informou este domingo o Ministério Público (MP) da Geórgia.

Nikoloz Basilashvili, de 28 anos, foi detido na sexta-feira, depois de na véspera "ter agredido a sua ex-mulher, na presença de um menor de idade", segundo refere o MP.

O tenista foi libertado após pagar uma fiança de 28 mil euros e, caso venha a ser condenado em tribunal pelo crime, enfrenta uma pena de um a três anos de prisão, além de um máximo de 400 horas de trabalho comunitário.

Basilashvili tornou-se, em julho de 2018, no primeiro tenista georgiano a conquistar um torneio ATP, em Hamburgo, na Alemanha.